Sociedade

CAMPINAS

Jonas Donizette parcela salário de servidores municipais

quinta-feira 27 de outubro| Edição do dia

A Prefeitura de Campinas, alegando ter sido afetada pela crise econômica, anunciou que irá parcelar o pagamento do salário de 25% do funcionalismo público. O pagamento deveria ser efetuado nesta sexta-feira, 28/10, devido ao feriado do dia do servidor público. Entretanto aos que receberão parcelado terão o salário divido, sendo que a segunda parcela só será paga no dia 15/11.

Segundo o secretário de finanças, Silvio Bernardin, as contas não estão fechando. Futuros atrasos nos salários não estão descartados e o pagamento do 13º também segue incerto. Jonas Donizette decretou a suspensão da execução orçamentária, desta forma nenhuma nova despesa poderá ser contratada se não for autorizada pelo Secretário de Finanças. Além disto haverá corte de gastos reduzindo o número de veículos da frota oficial e nos contratos com prefeitura.

É importante lembrar que, ainda este ano, milhares de trabalhadores terceirizados de empresas de limpeza e segurança contratadas pelo município ficaram sem receber devido a atrasos nos pagamentos dos contratos, levando inclusive a inviabilizar o funcionamento de várias escolas municipais da região. Mesmo ainda sendo incerto o que significa a tal “economia de contratos”, não é descartado a possibilidade de que contratos com as empresas terceirizadas voltem a ser afetados.

Também é importante ressaltar que embora o governo Jonas e seus secretários aleguem que a prefeitura de Campinas foi afetada pela crise, nenhuma palavra foi mencionada a respeito do repasse orçamentário aos municípios, nem a respeito dos altos índices de demissões e desemprego da região, principalmente no setor produtivo e muito menos sobre os altos salários dos políticos, juízes e do alto escalão de burocratas em cargos comissionados.




Tópicos relacionados

Eleições Campinas   /    Sociedade   /    Política

Comentários

Comentar