Política

REFORMA TRABALHISTA

Internautas rebatem propagandas do governo em defesa da reforma trabalhista

sábado 25 de novembro| Edição do dia

A página do Facebook "Governo do Brasil" veiculou vídeos como esses abaixo defendendo a reforma trabalhista:

Eles fazem parte do esforço por parte de Temer e dos empresários em convencer os trabalhadores que a reforma traz grandes vantagens "para todos", inclusive para os trabalhadores. Que não retira direitos, mas "moderniza" as relações de trabalho.

Contudo, os trabalhadores brasileiros não caíram nessa conversa fiada do governo. A repercussão desses vídeos, postados na rede no dia 11 de novembro, é uma amostra clara disso. O primeiro, apresentando um "trabalhador" contando as "vantagens de trabalhar em casa", conta com 12 compartilhamentos. Já o outro, que "explica" as mudanças da reforma, tem 19 compartilhamentos. Mesmo entre esse número ínfimo, nem todos compartilharam como gesto de apoio. Um perfil, por exemplo, divulgou o vídeo acompanhado da seguinte mensagem: "Isso só pode ser uma grande piada. Kkkkkkk". E há ainda compartilhamentos feitos pelo próprio governo, como o da página "Casa Civil da Presidência da República".

Mas a ausência de compartilhamentos não é a única demonstração do rechaço popular à reforma. São centenas de comentários criticando o governo, as reformas e denunciando a serviço de quê elas estão. Veja alguns:




Tópicos relacionados

Reforma Trabalhista   /    Governo Temer   /    Política

Comentários

Comentar