Política

DEMARCAÇÃO JÁ

Índios Guarani que reivindicam remarcação de sua terra desligam antenas do Pico do Jaraguá

sexta-feira 15 de setembro| Edição do dia

Imagem: G1

Índios Guarani que ocupam o pico do Jaraguá desde esta quarta-feira, desligaram as antenas de operadoras privadas de telefonia celular e televisão do Pico, em protesto contra o decreto que retira as terras de reserva indígena que lhes é de direito.

A ação do Ministro da Justiça Torquato Jardim através da portaria 683 anulou a criação da reserva indígena do Jaraguá, que havia sido conquistada pelos indígenas em 2015 depois de muita luta para ter seu direito reconhecido.

O decreto que oficializava a criação da reserva ampliava de 3 para 512 hectares as terras destinadas aos Guaranis. O Ministro Torquato Jardim, no entanto, não só voltou atrás, como reduziu através da portaria, para quase metade do que era antes deste decreto.


Índios ocupam estrada de acesso ao Pico do Jaraguá em protesto pela demarcação de suas terras.

A portaria 683 reduz as terras dos indígenas à 1,7 hectares, menor do que era antes do da lei que criou a reserva em 2015. A Terra Indígena Guaranis tem quase 700 pessoas, sendo que mais de 400 são crianças. A maioria das casas é feita de chapas de madeira e chão de barro mesmo.

Leia mais: Índios Guarani ocupam Pico do Jaraguá em defesa da demarcação de terras




Tópicos relacionados

Indígenas   /    Povos indígenas   /    Política

Comentários

Comentar