Educação

PROFESSORES SEM SALÁRIO

HOJE: Maíra Machado convida para debate ao vivo "Basta de 35 mil professores sem salário", com convidados e parlamentares de SP

segunda-feira 27 de julho| Edição do dia

Dia 27/07, às 18:30, temos um encontro marcado com Maíra Machado (MRT e pré-candidata por filiação democrática com PSOL), Carlos Giannazi (Deputado Estadual - PSOL), Paula Aparecida (Bancada Ativista - PSOL) e três professores estaduais: Samuel Vieira, Gabriel Santos e Raquel Figueira. A Live ocorrerá no Youtube do Esquerda Diário.

Nós do Esquerda Diário e o Movimento Nossa Classe Educação saímos com uma campanha para darmos juntos um basta nessa divisão de nossa categoria que hoje têm 35 mil professores categoria O e eventuais (14% da categoria de professores de SP), que estão há 4 meses sem receber seus salários e que também seguem sem receber o auxílio emergencial do governo federal.

Leia mais:
Veja abaixo assinado pelo pagamento dos salários dos professores eventuais já

Lutar já pelas vidas dos 35 mil profs de SP sem salário! Efetivação já!

Professores de SP relatam a situação que estão há 4 meses sem salários

Acreditamos na força dos professores e convidamos todas e todos à assistirem essa live sobre a situação destes professores e as saídas, com independência de classe, que podemos dar juntos contra esse ataque à vida das professoras e professores categoria O e eventuais que dividem o chão da escola com todos os professores efetivos.

Não podemos aceitar isso!

Por isso, temos um encontro marcado, nessa segunda, dia 27 de julho, às 18:30, com:
Maíra Machado – Pré-candidata por filiação democrática com PSOL, Profa. estadual de SP, militante do Nossa Classe Educação (MRT) e diretora da APEOESP
Carlos Gianazzi – Deputado Estadual (PSOL)
Paula Aparecida – Bancada Ativista (PSOL)
E os professores estaduais: Samuel Vieira, Gabriel Santos e Raquel Figueira.




Tópicos relacionados

Crise na Educação   /    João Doria   /    Educação

Comentários

Comentar