Política

MANOBRAS DE TEMER CONTRA DELAÇÃO DE BATISTA

Governo quer anular delação da JBS para sair impune e aplicar as reformas

Governistas podem apresentar dossiê para pedir anulação da delação da JBS, assim garantem a estabilidade de Temer para aplicar as reformas.

segunda-feira 19 de junho| Edição do dia

Com o pretexto de que a anulação é pela impunidade dos irmãos Batista, os aliados de temer querem apresentar um documento de 30 páginas questionando a legitimidade de Edson Fachin para homologar a delação da JBS. O dossiê apresentaria caminhos jurídicos para que o acordo firmado entre o MPF e os donos da JBS fosse anulado.

Governo afirma que o acordo “abusou da boa fé dos brasileiros e garantiu a impunidade aos delatores”, o que por um lado é verdade, por outro demonstra o cinismo do governo que quer garantir a própria impunidade e de diversos empresários que devem milhões para a previdência.

Temer e seus aliados lutam para se manter no poder e aplicar as reformas da previdência e trabalhista, o que vem sendo difícil depois que as delações dos irmãos Batista causaram uma brutal crise no governo. Agora tentam anular a delação para poder estabilizar o governo e nos atacar como o empresariado quer.

O judiciário também é cúmplice da aplicação das reformas e da corrupção, como pudemos ver recentemente com a absolvição da chapa Dilma-Temer no TSE, garantindo a continuidade desse governo corrupto e inimigo dos trabalhadores. Atua para manter a impunidade dos milionários e boa parte dos políticos, enquanto ganha rios de dinheiro com as delações.

Para essa crise ter um desfecho favorável aos trabalhadores, somente as ações de toda a classe trabalhadora podem ser a solução. Precisamos construir fortemente a greve geral do dia 30 de junho, não deixando as centrais roubarem o protagonismo de nossa luta para fazer campanha pelas diretas, nem muito menos cancelarem a greve ou fazerem com que seja de fachada como vem sinalizando. Precisamos tomar a Greve Geral em nossas mãos construindo comitês de base em cada local de trabalho e estudo, assim podemos barrar as reformas e impor eleições para uma nova Constituinte que revogue todos os ataques desse governo e dos anteriores, para fazermos os capitalistas pagarem pela crise!




Tópicos relacionados

JBS   /    Governo Temer   /    Michel Temer   /    Política

Comentários

Comentar