Política

OCUPAÇÃO PARANÁ

Governo do Paraná decreta recesso escolar para essa semana

Frente à onda de mais de 500 escolas ocupadas contra os ataques de Temer à educação, mas também à greve de professores iniciada hoje, o governo de Beto Richa (PSDB), no Paraná decretou recesso escolar e convocará Conselho Tutelar para visitar as escolas.

segunda-feira 17 de outubro| Edição do dia

O Paraná amanheceu nesta segunda-feira (17) ainda no ascenso do movimento de ocupação de escolas contra a MP da Reforma do Ensino Médio e contra a PEC 24, mas também com a categoria de professores em greve contra um projeto de lei de Beto Richa que ataque a data-base.

Dessa forma o governo do Paraná decidiu que nessa semana, do dia 17 a 21 de outubro, o estado entraria em recesso escolar, mas apenas aos colégios “invadidos” (os demais seguem em aula). A justificativa do adiantamento deste período é para que ele sirva aos diretores das escolas negociarem a desocupação das escolas. Além disso, o governo acionou o Conselho Tutelar para que este faça visitas nas escolas a partir de hoje para averiguar se os estudantes menores de idade estão em alguma “situação de risco”. Ofícios foram enviados também ao Ministério Público e ao Poder Judiciário.

Para o governo, as questões internas às escolas deverão ser decididas pelos diretores em conjunto com o conselho escolar. Configura-se uma tentativa do governo em jogar a responsabilidade para os diretores de lidar com as ocupações através da dissociação das pautas internas de cada escola à pauta geral, política, de resistência aos ataques à educação desferidos pelo governo golpista e apoiados por Beto Richa.

Ainda, o procurador-geral do Estado, Paulo Sérgio Rosso, afirmou que os atos praticados por menores ocupantes das escolas podem levar à responsabilização de seus pais. Isso pode configurar em uma tentativa do governo de pressionar os familiares dos ocupantes para que ajam contra as ocupações.

Com essa medida de recesso, o governo de Beto Richa se esforça na tentativa de combater a resistência aos ataques do governo golpista aplicando uma manobra para que outras escolas não sejam ocupadas nessa semana, mas também de tornar a greve de professores, iniciada hoje, um movimento sem impacto imediato.




Tópicos relacionados

Ocupação Secundarista Paraná   /    Política

Comentários

Comentar