GASTOS COM OS MILITARES

Governo brasileiro aumenta gastos militares enquanto corta direitos dos trabalhadores.

Enquanto mais de 14 milhões de brasileiros estão desempregado, e educação e saúde veem sofrendo cortes de gastos brutais. Os gastos para a repressão aumentam.

quarta-feira 2 de maio| Edição do dia

De acordo com pesquisa publicada nessa quarta-feira na Suécia pelo Instituto Internacional de Pesquisa da Paz de Estocolmo (Sipri), o Brasil teve o maior gasto militar dos últimos 8 anos. Os 29,3 bilhões de dólares destinados para as Forças Armadas, contrastam com o cenário de cortes de direitos trabalhistas e no orçamento de setores fundamentais como saúde, habitação e educação. Com o aumento, o Brasil passou a ser o 11º país com maiores gastos militares no mundo.

Esse setor, que veio se fortalecendo nos governos petistas, através da ocupação militar do Haiti, passou a ter outro papel após o golpe no jogo político nacional, com chantagens explícitas diante do julgamento de Lula e com a intervenção federal no Rio de Janeiro.

Ainda de acordo com a pesquisa, os gastos militares atingiram em 2017 o seu nível mais alto em todo o mundo desde a Guerra Fria.




Tópicos relacionados

Exército   /    Repressão   /    Economia nacional

Comentários

Comentar