Gosta do Esquerda Diário? Veja 9 maneiras como você pode ajudar a fortalecer nosso projeto

O Esquerda Diário está entrando em uma nova fase. Queremos organizar milhares de vozes contra o capitalismo, contra o governo golpista de Temer. Vozes independentes e críticas ao PT, que tragam suas denúncias e organização contra as patronais nos locais de trabalho. Da juventude que se ergue em defesa da educação e que fala com naturalidade a palavra antes banida: “revolução”. Multiplicar as vozes daqueles que queimaram seus armários e não aceitam mais a homofobia, transfobia e todos preconceitos neste país erguido sob a escravidão e o patriarcado. Organizar essas milhares de vozes, para multiplicar uma força ativa nos locais de trabalho e estudo e alcançar dezenas de milhões nas redes sociais. Formar uma rede de opinião, de esquerda, anticapitalista. Nessa nova fase precisamos de sua colaboração.

segunda-feira 1º de agosto de 2016| Edição do dia

No país da Rede Globo e outros poderosos monopólios queremos erguer uma voz dissonante: sua voz. A voz de denúncia dos patrões, dos governos, do imperialismo, do machismo, e todos preconceitos. Temos a ambição de concorrer com a Folha, com o G1. Nos falta muito, muitíssimo. Mas é preciso avançar. Não aceitamos que os herdeiros da Casa Grande formem a opinião daqueles que como nós batalhamos dia a dia para se sustentar. Com essa ambição queremos lançar uma nova fase do Esquerda Diário. Queremos sua ajuda nesse grande projeto. Nesse artigo trazemos 9 sugestões de como você pode se somar nessa grande tarefa. Antes disso fazemos um pequeno histórico de nossos 16 meses de existência.

O que o Esquerda Diário tem feito

Com 16 meses de existência, alcançamos hoje a marca de 100mil curtidas em nossa fanpage. Trouxemos diariamente críticas e análises políticas da realidade brasileira e internacional. Erguemos, como milhões, nossa voz contra o governo golpista de Temer, e marcamos a cada passo uma posição crítica e independente ao PT que começou os ajustes e ataques que os golpistas aceleram. O PT com sua conciliação com os reacionários, com os empresários, abriu espaço para a direita. Publicamos mais de 1400 artigos de política nacional que contribuíram nessa luta com ideias, análises, denúncias e investigações para mostrar o que a mídia tradicional não mostra e muitas vezes os sites alinhados ao PT omitem.

Nestes 16 meses publicamos mais de 1100 artigos na seção “mundo operário” trazendo notícias, opiniões e análises que militantes escrevem sobre seus locais de trabalho, suas lutas. Algumas destas matérias traziam o cochicho de um peão a quem lhe entrega um panfleto ou o Esquerda Diário impresso, quinzenal, na porta da fábrica na madrugada e ecoamos a denúncia que gostaria de fazer. Notícias e denúncias enviadas por whatsapp e facebook que viram matérias e debate, organização, dentro dos locais de trabalho.

Junto às mulheres e aos LGBT trouxemos as denúncias deste país campeão de assassinatos transfóbico, onde milhares de mulheres ainda morrem ano a ano por abortos ilegais. Nesta seção, com suas análises e opiniões foram publicados quase 800 textos neste período. Com a força da juventude que ocupou escolas de norte a sul do país foram publicados 984 artigos nesse mesmo período, contando de suas lutas, propondo como coordenar uma escola com outra, as greves estudantis, oferecer uma visão revolucionária do papel da juventude em aliança com a classe trabalhadora para derrotar o capitalismo. Textos, vídeos que muitas vezes viralizaram pelo ódio da direita a que a juventude se organize. Na seção “educação” tomamos a barricada dos estudantes que tomavam suas escolas, dos professores que lutam contra o “escola sem partido” e contra toda precarização da educação com quase 800 artigos.

Como parte de uma rede internacional de diários em 5 idiomas e 11 países, que alcança milhões publicamos análises e notícias e traduções sobre cada fato internacional importante. Foram quase 1100 artigos nesse período.

Nos apoiamos nesse histórico para essa nova fase, mas sabemos da completa insuficiência frente aos desafios de formar uma força militante de milhares em um país continental como o nosso. O Esquerda Diário começa a se estender nacionalmente, tendo correspondentes em mais estados e cidades, mas em um país com mais de 5mil municípios e realidades locais tão diversas faz falta sua voz anticapitalista junto a nós. Veja aqui como ajudar a erguer esse imenso projeto militante, mantido com o esforço e colaboração de cada colaborador sem um centavo de empresas ou governos.

1- Compartilhe nas redes sociais nossos artigos e vídeos

As redes sociais ganham a cada dia maior importância na vida das pessoas. São fonte de informação, de diversão, parte do cotidiano de cada um de nós. Seja para relaxar quando o chefe sai de perto ou até mesmo para marcar um rolezinho. Curta nossa fanpage e compartilhe com seus amigos, seus grupos os artigos para que milhões recebam opiniões de esquerda, para romper o cerco da grande mídia.

2- Comente os artigos e opiniões do Esquerda Diário

A direita tem um exército de “trolls” e “haters” na Internet. Vociferam o que gostariam de fazer com a esquerda nas ruas e articular suas ideias. Não nos calamos. Rebatemos suas ideias e batalhamos para formar uma opinião de esquerda. Porém para formar essa opinião não basta o que nossa redação se esforça diariamente para escrever. Com críticas, sugestões, diálogo as ideias avançam. Envie comentários, sugestões de pautas, artigos.

3- Não tem tempo de escrever, envie sua opinião por Whatsapp ou no Facebook

Quer fazer uma denúncia, propor um texto mas tem dificuldade ou falta de tempo para escrever, envie um áudio ou um vídeo por whatsapp ou facebook que procuraremos transformar sua opinião ou denúncia em um artigo. Em nossa página você pode encontrar o número de whatsapp para enviar sua mensagem.

4- Envie artigos para o Esquerda Diário

Quer divulgar o que você pensa sobre a política, sobre a educação, sobre cultura, sobre esporte, nos envie seu artigo por email (esquerdadiario@gmail.com) no inbox do Facebook ou por whatsapp.

5- Nos ajude a traduzir artigos da Rede Internacional La Izquierda Diario

Diariamente são publicados centenas de artigos na Rede Internacional de Diários La Izquierda Diario que fazemos parte. Selecionamos alguns todos os dias. Poderíamos traduzir centenas, trazer a experiência de outros países para pensarmos o nosso. Você fala espanhol, inglês, francês ou alemão, nos ajude traduzindo textos. Entre em contato com nossa redação por email, facebook ou whatsapp para saber como pode ajudar.

6 – Difunda, distribua e debata o Esquerda Diário impresso

As redes sociais são muito importantes. Porém, muitos não tem o costume de usá-las e na pluralidade de timelines e opiniões, muitas vezes coisas passam batidas. Para organizar os debates e chegar fisicamente a milhares imprimimos quinzenalmente uma versão do Esquerda Diário com artigos mais curtos para debater nos locais de trabalho, estudo e moradia. Quer receber o Esquerda Diário impresso, entre em contato enviando um email para edimpresso@gmail.com ou mandando mensagem para nós pelo facebook ou whatsapp. Podemos ajudar a organizar conversas para debater as opiniões.

7- Seja um correspondente do Esquerda Diário

Você que acompanha o Esquerda Diário, escreve, difunde e ajuda a organizar mais vozes pode ser um correspondente do Esquerda Diário. Queremos ter notícias e opiniões vindas dos 4 cantos do país para formar uma força militante de milhares contra o capitalismo.

8 – Contribua financeiramente

O Esquerda Diário é sustentado com o esforço militante de centenas de pessoas. Sem um centavo de qualquer patrão ou governo. Para chegar em mais pessoas de forma digital e impressa precisamos de sua ajuda. Neste artigo você encontra como pode, de forma segura, contribuir mensalmente com cartão de crédito para ajudar a sustentar nosso projeto.

9 - Se organize com o Esquerda Diário

O Esquerda Diário é um portal e um jornal impresso que não quer somente um veículo de informação mas que também tem como objetivo organizar milhares nos locais de trabalho e estudo para unificar processos de luta, para desenvolver uma força anticapitalista no país. Organizamos debates e iniciativas militantes em vários locais de trabalho pelo país como no metrô de São Paulo, em trabalhadores da USP, em várias universidades do país, e agora com a rede de correspondentes do Esquerda Diário Nordeste que além de difundir opiniões naquela importantíssima região do país, também produz uma série de artigos sobre os debates políticos da região, trazendo denúncias e opiniões como fazemos em outras partes do país. Se organize com o Esquerda Diário.




Tópicos relacionados

Esquerda Diário

Comentários

Comentar