Mundo Operário

ATRASO SALARIAL

Garis de Porto Alegre protestam contra atraso salarial

Os trabalhadores da limpeza pública de Porto Alegre fizeram uma ação em frente a prefeitura, devido o atraso do pagamento de seus salários. Ocorreu na tarde desta terça (3), onde levaram faixa exigindo o pagamento de Marchezan.

terça-feira 3 de outubro| Edição do dia

O protesto reuniu centenas de garis que vivem nesta situação de salário atrasado. Por cerca de duas horas os trabalhadores denunciaram sua situação para a população de Porto Alegre.

Não bastando as condições precárias de trabalho, somando a terceirização imposta pela prefeitura, a Cootravipa relata o calote que a prefeitura vem dando, somando R$ 4,7 milhões referentes a janeiro de 2016 que deveriam ser pagos no inicio deste ano, levando a cooperativa a ajuizar uma ação trabalhista coletiva na Justiça do Trabalho. Do lado da prefeitura de Marchezan, nenhuma declaração a respeito do calote. No meio dessa disputa estão os trabalhadores sem seus salários.

Como mostramos aqui, a categoria sofre com o atraso do pagamento sistematicamente. Com muita mobilização conseguiram pressionaram empresa e prefeitura até cair o salário em suas contas.

Até o momento a situação segue indefinida para esse garis. É necessário apontar para a unificação das lutas contra Marchezan e Sartori, inimigos declarados dos trabalhadores.




Tópicos relacionados

Marchezan   /    Porto Alegre   /    Terceirização   /    Mundo Operário

Comentários

Comentar