Internacional

ATOS NA EUROCOPA

Final da Eurocopa tenta esconder turbulento cenário político

Na tarde de domingo, 10, aconteceu em Paris a final da Eurocopa. Foram instalados telões na Torre Eiffel para transmitir o jogo entre Portugal e França. As áreas conhecidas como fan zone reuniram milhares de pessoas e estavam completamente cercadas pela polícia.

segunda-feira 11 de julho de 2016| Edição do dia

Foto: Thomas Samson/AFP

O grande contingente policial não intimidou centenas de franceses que saíram às ruas para protestar contra a reforma trabalhista do governo de François Hollande. Desde o início do ano, quando foi anunciada a reforma trabalhista, o cenário político na França é marcado por protestos e greves protagonizados por estudantes e trabalhadores que não admitem cortes nos direitos sociais.

As agências de notícias do mundo todo, inclusive a maioria das mídias brasileiras, anunciaram que os protestos foram causados por grupos de pessoas na tentativa de adentrar a área da fan zone que estava lotada. Isto, no entanto, tenta esconder que os protestos eram contra a reforma trabalhista. Diversas pessoas foram detidas durante o protesto.

Se no campo o placar foi Portugal 1 x 0 França, nas ruas o povo francês mostra que o cerco midiático que tenta amenizar os impactos negativos dessa reforma e esconder as milhares de pessoas que saem às ruas para protestar contra o governo francês, não será capaz de derrotar a luta dos trabalhadores que está cada vez mais fortalecida, como mostrou a tarde de ontem.




Tópicos relacionados

França   /    Internacional

Comentários

Comentar