Política

POLÍTICA

Filha de Olavo de Carvalho lava a alma posando com laranjada na fachada do esconderijo de Queiroz

sexta-feira 19 de junho| Edição do dia

Heloísa de Carvalho, que é filha do reacionário terraplanista Olavo de Carvalho, ao lado de e Bruno Todd (ex-candidato a vereador pelo PSOL), denunciaram a localização de Fabricio Queiroz 1 mês antes de sua prisão. Heloísa afirma que sabia desde 2019.

O protegido da família Bolsonaro, o ex-PM Fabrício Queiroz, preso nesta quarta (19), teve sua localização denunciada nas redes em maio deste ano. Heloísa, que rompeu com seu pai, afirmou à CNN Brasil que sabia do paradeiro desde o primeiro semestre de 2019.

"Desde abril, maio de 2019, que eu sabia que ele estava aqui. Eu recebi a informação através de um jornalista e descobri que ele vivia neste bairro e nesta casa em Atibaia. Desde o ano passado que eu falava que ele estava aqui."

Todd Tomorrow, conhecido ativista LGBT+ do PSOL, publicou em maio na sua conta do Instagram, veja:

Juntos foram brindar com suco de laranja a prisão de Queiroz, em frente à casa do advogado Wassef.




Tópicos relacionados

Olavo de Carvalho   /    Fabrício Queiroz   /    Política

Comentários

Comentar