Mundo Operário

AEROVIÁRIOS

Estudantes, professores e trabalhadores do Metrô e da USP vão à manifestação prestar solidariedade a LATAM

Estudantes, professores, trabalhadores do Metrô e da USP foram à manifestação hoje em Guarulhos, contra as demissões dos 2 mil trabalhadores da LATAM, prestar solidariedade.

segunda-feira 15 de junho| Edição do dia

Na semana passada, a LATAM anunciou que iria demitir 2000 tralhadores. No meio da pandemia, a empresa aérea deixará 2 mil famílias sem sustento, mesmo depois de lucros extraordinários em 2019 e com a promessa de receber 1 bilhão do governo.

No entanto, os trabalhadores da LATAM não deixaram barato. No dia seguinte, se mobilizaram no aeroporto de Guarulhos. Essa semana repetiram de novo a mobilização no aeroporto. Além disso, também tem recebido apoio de diversos setores, como se expressou no abaixo assinado com dezenas de assinaturas, nas declarações de referentes de diferentes categorias e no twitaço hoje. Na mobilização, compareceram estudantes da UNICAMP, USP, metroviários, professores estaduais e municipais, trabalhadores da USP em solidariedade.

As demissões na LATAM não são isoladas. Com a crise econômica, o desemprego tem avançado de forma galopante. A vitória dos trabalhadores do LATAM, com a reversão das demissões é um ponto de apoio à toda a classe trabalhadora!

Veja aqui o vídeo da mobilização:




Tópicos relacionados

Abaixo as demissões na Latam!   /    Guarulhos   /    Mundo Operário

Comentários

Comentar