Juventude

SOLIDARIEDADE DAS LUTAS

Estudantes da escola ocupada Central no RJ e da UFRJ em apoio à greve dos trabalhadores de Contagem

sexta-feira 29 de abril de 2016| Edição do dia

A juventude e os estudantes em luta, têm votado em diversas assembleias seu repúdio ao golpe institucional e aos ajustes. No Rio de Janeiro em que existem 73 escolas ocupadas, e os estudantes do Colégio Estadual Central do Brasil, ocupada pelos estudantes em defesa da Educação, ao lado de alguns dos estudantes do curso de Ciências Sociais da UFRJ, que hoje estiveram paralisados contra o golpe e os ajustes dos governos, demonstraram sua solidariedade ativa à greve dos trabalhadores da Educação de Contagem, em Minas Gerais.

Os estudantes secundaristas de São Paulo e do Rio de Janeiro estão demonstrando que a juventude não baixará a cabeça diante dos ataques, e apoiam as lutas dos trabalhadores da Educação. Essa campanha em apoio à greve que foi duramente reprimida pelo governo de Carlim Mora, do PCdoB, deve se estender pelo país. Estamos juntos na luta contra o golpe, os ajustes, e os ataques à Educação, cujas consequências são ainda mais duras para a juventude negra e pobre da periferia.




Tópicos relacionados

Rio de Janeiro   /    Juventude

Comentários

Comentar