Educação

GREVE UNICAMP

Estudantes da Unicamp saúdam vitória do movimento de professores contra a direita

Estudantes da Unicamp em greve saúdam em carta publicada na página "Ocupa Tudo Unicamp 2016" o resultado importante da assembleia dos professores da ADUNICAMP que derrotaram setores organizados da direita contra a mobilização e pela punição aos lutadores. Leia carta a seguir:

quinta-feira 21 de julho de 2016| Edição do dia

Saudação à atuação dos professores nos resultados da Assembleia da ADUNICAMP

Ontem, quarta-feira, dia 20, em Assembleia Extraordinária da Associação de Docentes da UNICAMP, solicitada em abaixo-assinado por professores contrários à mobilização grevista na universidade, o resultado das votações expressou a vitória da defesa democrática da universidade pública e dos setores que nela se colocam em luta. Propostas como o “desmantelamento” da Comissão de Mobilização Docente e moções que solicitavam à reitoria “apurações” de casos de agressões contra os professores, que na prática significariam mais punições aos grevistas, e a garantia da segurança da categoria docente, que inclusive recorriam a aspectos reacionários do Estatuto da universidade, este herdeiro da Ditadura Militar, foram derrotadas.

Em um cenário nacional de recrudescimento de ideias de direita, que reforçam a repressão e a criminalização aos movimentos sociais e as ideologias de ódio contra os setores oprimidos, o conteúdo que prevaleceu nesse espaço reforçou a defesa de uma universidade pública, aberta e democrática. Com isso, assim como nos colocamos contundentemente contrários às intervenções do MBL em nossa universidade, porque acreditamos que representam o oposto da universidade acessível aos trabalhadores, negros e pobres que defendemos, saudamos esse resultado importante para a nossa luta. Posicionamentos públicos como as cartas dos professores Caio Toledo e Beatriz Regina Alvares e notas do boletim do STU têm conformado uma importante rede de apoio democrático contra as punições, eixo central da nossa greve estudantil hoje, quando já há uma sindicância em curso contra um estudante, à qual se soma o resultado da Assembleia da ADUNICAMP.

‪#‎ocupatudounicamp‬




Tópicos relacionados

Greve das estaduais paulistas   /    Unicamp   /    Educação   /    Juventude

Comentários

Comentar