Educação

GREVE ESTUDANTIL E OCUPAÇÃO UFMG

Estudantes da UFMG votam por greve estudantil e ocupação do CAD 1 contra a PEC 241

Após as ocupações do Paraná e em outros estados, é a vez dos estudantes de biológicas e da área da saúde da UFMG ocuparem o prédio em que estudam contra os ataques do governo golpista de Temer à educação.

quarta-feira 19 de outubro| Edição do dia

Hoje (19) os estudantes da UFMG dos cursos de Ciências Biológicas, Farmácia, Nutrição, Psicologia e outros que fazem aula no CAD 1, votaram greve estudantil e ocuparam o Centro de Atividades Didáticas 1.

A assembleia foi convocada pelo D.A. Bio, D.A. ICB, CAPSI, D.A. VET/AQUA, alunos autoconvocados de Farmácia, CAFITO, D.A. Engenharia, D.A.A.B, D.A. NUT e D.A. Odonto, com indicativo de greve e ocupação, e contou com a presença de mais de 300 pessoas que votaram por esta ação com quase unanimidade, sendo 166 votos a favor da ocupação e 13 contra.

Esta ação é parte da mobilização dos estudantes contra a PEC 241 e os ataques do governo golpista de Temer à educação. Os estudantes de Ciências Biológicas e Farmácia foram maioria na assembleia. Esta é parte das mobilizações que o D.A. de Biologia vem fazendo contra os ataques à educação e a própria PEC e parte das mobilizações que estão acontecendo em toda UFMG.

Os estudantes pedem o apoio de todos os setores da sociedade e especialmente dos professores e técnicos administrativos da UFMG e pedem também doações de alimentos para a ocupação. Nessa ação se espelham nas lutas dos estudantes do Paraná que ocupam mais de 800 escolas e universidades e radicalizam a luta contra a PEC 241 e em defesa da educação.




Tópicos relacionados

Greve Estudantil   /    UFMG   /    PEC 241/55   /    Educação   /    Política   /    Juventude

Comentários

Comentar