LUTA ANTIRRACISTA

Estátua de manifestante negra é removida pelo prefeito de Bristol, na Inglaterra

A estátua havia sido colocada no lugar da estátua do mercador de escravos Edward Colston, derrubada e jogada no porto da cidade por manifestantes, no mês passado.

quinta-feira 16 de julho| Edição do dia

No dia seguinte à instalação da estátua, que retrata a jovem que participou das manifestações do movimento Black Lives Matter, onde foi fotografada com o punho erguido, feita pelo artista Marc Quinn, as autoridades de Bristol a retiraram e a levaram para um museu. A prefeitura alega que isso foi feito para que o autor possa recuperá-la ou doar a estátua para a coleção municipal. A prefeitura de Bristol disse que a estátua não tinha autorização para estar ali, tentando assim justificar a retirada.

A estátua de Jen Reid, colocada onde ficava uma estátua de um mercador de escravos, que foi derrubado pela população, representa um nível de moralização do povo negro e questionamento aos símbolos nacionais que o racista governo britânico jamais poderia permitir. Tratamento Diferente que o governo teve em relação a manutenção de diversos símbolos racistas e opressores, com a retirada de estátuas de outros escravistas e do ex-primeiro ministro genocida Churcill, com medo de que sofressem o mesmo destino da estátua de Colston, que por sinal foi retirada do rio em que foi jogada.

A explosão da fúria negra e do Black Lives Matter nos EUA e depois em vários países ao redor do mundo, incitados após o absurdo assassinato de George Floyd, fazem com que a burguesia internacional trema, pois estes sabem do potencial revolucionário que a luta do povo negro tem. Vidas Negras Importam.




Comentários

Comentar