Educação

"Está cheio de doutor sem emprego, mas é difícil ter um bom encanador passando fome" diz Weintraub para atacar a Universidade Pública

Nesta Segunda-Feira (7), Abraham Weintraub, Ministro da Educação do governo Bolsonaro, voltou a atacar as universidades federais defendendo o ensino técnico, e evento em São Paulo.

segunda-feira 7 de outubro| Edição do dia

Nas palavras de Wientraub: “A escola pode ensinar um ofício. Aí vem o preconceito desses ’intelectualóides’ que acham que escola técnica não é boa porque ensina ofício. Tem que ser doutor. Está cheio de doutor sem emprego, mas é difícil ter um bom encanador passando fome ou na fila do Bolsa Família. É difícil um eletricista, um técnico bom, que não consegue se virar”

Além de ser um ataque rasteiro à ciência e ao ensino superior, o discurso do Ministro é totalmente descolado da realidade. Enquanto vomita asneiras seguimos com uma taxa de desemprego de quase 12 milhões de pessoas, a juventude e os mais pobres seguem sendo o setor mais afetado. O Ministro defende a formação para mão de obra de trabalho barata, enquanto enterra a possibilidade de desenvolvimento e conhecimento. Claramente nos coloca, a nós jovens e trabalhadores, um futuro de miséria.

A defesa do ensino técnico, não é uma inovação para a direita que governa. João Dória desde o começo de seu mandado como Governador de São Paulo, apresentou o projeto do Novotec, que é exatamente a implementação do ensino profissionalizante as custas da redução dos conhecimentos no Ensino Médio, que vem sendo atacados com a implementação da Reforma do Ensino Médio e da BNCC (Base Nacional Comum Curricular).

Entenda melhor: O “Future-se”, sim, será o verdadeiro “viés ideológico” nas universidades

Weintraub voltou a afirmar que a prioridade do governo Bolsonaro é o ensino básico, criticando as universidades federais, que vem sofrendo também duros ataques do governo, com os cortes de verba e o projeto FUTURE-SE. Apesar disso, o govenro também cortou verba da educação básica.

Saiba mais: Que tipo de formação profissional o Novotec oferecerá?

O ministro que define o ensino nas federais com "bagunça e balbúrdia", faz coro a essa direita que é contra a ciência e pensamento crítico. Que defende a alienação em massa para poder explorar e sugar a vida dos trabalhadores de todas as formas possíveis sem resistência. Já sabemos que apesar dos planos desse governo, a juventude está disposta a lutar, como vimos nas mobilizações do dia 15M e nos movimentos que estão acontecendo nas federais.

É exatamente isso que o governo quer combater. Weintraub e toda a corja da extrema-direta do governo Bolsonaro, quer calar a boca de estudantes e trabalhadores. Todas as reformas e "ajustes", são plano de fundo para todos os ataques que estamos sofrendo desde o golpe institucional. Parte de um plano dos grandes capitalistas para nos fazerem pagar pela crise que criaram, para sugarem nossas vidas em prol de seus lucros. As reformas trabalhista e da previdência, aliada a todos os ataques econômicos e aos direitos, como a MP 881 por exemplo, aliadas aos crescentes ataques a educação, pretendem doutrinar a população e especialmente a juventude, para que aceitem o futuro de miséria que os reservam.

O discurso de Weintraub nesta segunda-feira, é um absurdo! Teríamos que sim oferecer a todos a possibilidade de ensino, o ingresso a universidade e o acesso a grandes pensamentos e não formar mãos de obra barata em massa para mascarar a precarização brutal do trabalho e níveis absurdos de exploração. Para Weintraub o crescimento de postos de trabalho precarizados como nos aplicativos como Rappi e Ifood são uma vitória, para ele a ciência é piada e o desenvolvimento da humanidade algo desnecessário desde que possa manter seus privilégios e os interesses capitalistas.

A cada dia as asneiras vomitadas pela boca da direita, deixam mais claro a quem governam. Um governo que está disposto a vender país para o imperialismo, acabar com o ensino público, mecanizar a vida da juventude, retirar cada minimo direito conquista para poder mais livremente nos explorar, enquanto se mantem em suas mansões e carros de luxo, querem nos fazer acreditar que a universidade é desnecessária e o único ensino que presta é o que nos formará bons peões desse jogo em que eles querem nos esmagar.

Seguimos ao lado da juventude e dos trabalhadores, lutando em cada local de trabalho e estudo para por abaixo esse discurso falacioso e deixar bem claro que nosso futuro vale mais que o lucro deles!

Pode te interessar: Novotec, BNCC e os caminhos para a Reforma do Ensino Médio na rede estadual paulista




Tópicos relacionados

Abraham Weintraub   /    Weintraub   /    Governo Bolsonaro   /    Educação

Comentários

Comentar