Política

CORONAVÍRUS

Empresários protestam e Paulo Câmara (PSB-PE) abre bares em Pernambuco

Após carreata de empresários, governador adiantou a reabertura do setor para o dia 20, mostrando como seu "Plano de Convivência" é guiado por interesses empresariais e não sanitários!

sábado 11 de julho| Edição do dia

Pernambuco é um dos Estados onde o novo coronavírus mais fez vítimas com mais de 5 mil mortes sem contar a subnotificação. Mesmo assim o governador Paulo Câmara avança em seu "Plano de Convivência", um eufemismo pra favorecer os empresários abrindo o comércio e deixando os trabalhadores expostos ao vírus e a morte.

No plano, a reabertura de bares e restaurantes estava prevista inicialmente para a fase 7. No entanto, em junho o governador resolveu adiantar para a fase 6. Não satisfeitos, os empresários realizaram uma carreata pedindo a reabertura. O governador Paulo Câmara então anunciou que os estabelecimentos seriam reaberto no dia 20, mesmo que o estado permaneça na fase 5. Ou seja, vem ficando cada vez mais evidente que os critérios destes planos priorizam os lucros e não qualquer critério sanitário.

Frente a toda a demagogia dos governadores, que após fazerem uma pseudo oposição ao bolsonarismo se juntam para reabrir a economia sem nenhum critério sanitário, os trabalhadores necessitam se mobilizar e exigir testes massivos para uma quarentena racional, junto a condições materiais pra cumprir a quarentena, como auxílio emergencial de 2000 reais e a disponibilização de quartos de hoteis para cumprir o isolamento, assim como a reconversão da produção sob controle dos trabalhadores para insumos necessários para o combate a pandemia, como respiradores, leitos e testes!




Tópicos relacionados

Paulo Câmara (PSB)   /    Pernambuco   /    Recife   /    Coronavírus   /    Política

Comentários

Comentar