Política

Empresa de Russomanno é denunciada pelo PROCON por propaganda enganosa

Guilherme de Almeida Soares

São José dos Campos

domingo 25 de setembro| Edição do dia

A empresa que está em nome do candidato a prefeito da cidade de São Paulo, Celso Russomanno, deve ao PROCON 11,9 mil relativos á multa por ter violado o Código de Defesa do Consumidor, além de 429 mil ao Estado em ICMS. A SYS Equipamento de Tecnologia LTDA foi multada em 2008 pelo PROCON, por propaganda enganosa. Por causa desta multa, está inscrita na divida ativa do Estado desde 2010.

Além disso, no dia 20 de agosto, o jornal ‘’O Globo’’ noticiou que Celso Russomanno deixou a SYS de fora de sua declaração de bens á Justiça Eleitoral. Nesta ocasião, o candidato á prefeitura de São Paulo atribuiu o fato a um esquecimento de seu contador e disse que retificaria a decisão á Justiça, confirmando que é dono dela.

De acordo com o PROCON, a SYS fabricava o Airlock, equipamento que se instalado próximo ao hidrômetro das casas, prometia reduzir em 40% o consumo de agua. Em anuncio, Russomanno fala: ‘’Não pague ar por água! Defenda – se, é seu direito, consumidor. Eu testei o Airlock e ele funciona’’.

Porém, o PROCON concluiu que não havia provas de que o Airlock tivesse esse efeito e apontou cinco infrações á lei de defesa do consumidor.

A primeira denuncia consiste que a empresa não possui dados técnicos para sustentar o que a publicidade dizia. De acordo com o PROCON ‘’O autuado apresentou contas de água de consumidores e, em alguns casos, apenas declarações escritas, documentos que não comprovam as alegações que foram feitas’’.

A segunda conduta irregular da empresa SYS, mostra que a eficiência da empresa depende da região onde ele seria instalado, sem sequer ter citado na embalagem. O PROCON viu que este produto foi testado pelo INADEC, ONG fundada e presidida por Russomanno. Terceira conduta irregular diz á desrespeito a denuncia contra o meio ambiente. Neste caso é por mostrar para sociedade comportamento tolerante a torneira aberta, banhos demorados.

A quinta denuncia do PROCON contra a empresa SYS de Celso Russomanno, foi o fato de que esta ‘’deixou de organizar e manter á disposição dos interessados dados técnicos, fáticos e cientifico’’ que embasassem a publicidade do Airlock.
Este caso contra Celso Russomanno, mais uma vez mostra que ele é mais um grande empresário que está na politica para servir os interesses da sua classe.

A imagem do defensor dos consumidores, imagem esta que oportunistamente começou a construir com a morte de sua primeira esposa é uma tremenda hipocrisia, pois como todo bom burguês está apenas preocupado apenas com a sua taxa de lucro e não com se as pessoas estão usufruindo um produto com qualidade. Quem dirá as crianças do ensino público, que sofrem com a máfia da merenda promovida pelo PSDB em SP, da qual Russomanno é o mais novo parceiro.

Esta é mais uma denuncia contra Celso Russomanno, que só reforça que ele é mais um político que governa para os ricos e que está envolvido em diversas falcatruas. O mesmo Celso Russomanno que conforme denunciamos aqui neste site, foi denunciando por crime de peculato, mas também promete caso for eleito, militarizar a região da Cracolândia com a desculpa de "combater as drogas".

Se o candidato do PRB for eleito, fará com que os trabalhadores e os setores populares da sociedade paguem pela crise econômica capitalista que o país está passando. Contra os ataques que os governos estão prometendo impor aos trabalhadores e demais setores populares da sociedade, é necessário construir uma alternativa independente a todas as alas das classes dominante para barrar estas medidas que estão por vir.




Tópicos relacionados

Eleições 2016   /    Política

Comentários

Comentar