TRAGÉDIA CAPITALISTA

Em nome do lucro, dois trabalhadores são mortos em explosão de mineradora na Bahia

Após tragédias capitalistas como Brumadinho, que rifou a vida de trabalhadores em prol meramente do lucro das empresas, dois trabalhadores morreram na região de Teofilândia, na Bahia, por conta da explosão de uma mineradora.

sexta-feira 1º de março| Edição do dia

Depois das tragédias de Brumadinho e do Rio de Janeiro, a explosão de uma mina na noite dessa quarta-feira, 28, na divisa dos municípios de Barrocas e Teofilândia, a 173 km de Salvador, no estado da Bahia, tirou a vida de mais dois trabalhadores: Murilo Souza de Oliveira e Leomar Brito Correio.

A mina, a única da região, é de propriedade da multinacional Leagold. A explosão ocorreu durante o terceiro turno, ou “corujão”, mais especificamente entre as 23h do dia 28 e as 0h de hoje, enquanto era feito o carregamento da frente, isto é, a preparação de uma área para a detonação.

Outros três funcionários da mineradora ficaram feridos e foram socorridos e levados para hospitais da região, e não correm risco de vida. Mais uma vez trabalhadores tiveram suas vidas tiradas por conta da ganância das empresas, que os submete a condições precárias de trabalho. Toda solidariedade às famílias e conhecidos de Murilo e Leomar. Nossas vidas valem mais que o lucro deles!




Tópicos relacionados

Trabalhadores   /    Nossas vidas valem mais que o lucro deles   /    Bahia

Comentários

Comentar