Educação

PORTO ALEGRE

Em nota, Comissão de Funcionários da Carris agradece apoio dos professores

Reproduzimos aqui nota da Comissão de Funcionários da Carris sobre ato do CPERS hoje em frente à Companhia. O ato foi contra a privatização da empresa pública de transportes e deve ser o início de uma importante unidade para derrotar Sartori e Marchezan.

quarta-feira 4 de outubro| Edição do dia

"NOTA SOBRE ATO DO CPERS NA CARRIS

É com alegria que nós, funcionários desta empresa centenária, acolhemos aos trabalhadores em educação em ato no portão da empresa. É a União da classe trabalhadora que será capaz de cessar estes tempos difíceis de ataque e desmonte do estado brasileiro em todos os níveis.

Os trabalhadores em educação estão travando uma greve que em sua gênese já é vitoriosa. Denunciar o desmonte da educação publica não é uma tarefa simples, principalmente quando as opções políticas daqueles que estão em função de mando comprometem a sustentabilidade dos trabalhadores e de suas famílias.

Estamos vivendo na CARRIS um período nunca antes visto nessa empresa; uma direção sem autonomia, que sustenta um discurso falso, enquanto avança o projeto entreguista-tucano.

Aos colegas que estão na empresa nesse momento, pedimos que permaneçam dentro do pátio, Aos que por ventura estiverem de intervalo, que se somem, mas tomem a providência de fotografarem seu ponto. Em tempos de perseguição, todo o cuidado é pouco.

Às trabalhadoras/trabalhadores do CPERS, sejam bem vindos."

Comissão de Funcionários da Cia. Carris Gestão 2015-2017




Tópicos relacionados

Marchezan   /    Sartori   /    Porto Alegre   /    Caxias do Sul   /    Educação   /    Mundo Operário

Comentários

Comentar