Educação

ESCÂNDALO: Reitor da Fundação Santo André faz faz chacota com demissão de 35 professores.

As vésperas do Natal a FSA demitiu 35 professores alegando que estes não prestaram concurso público. O reitor da FSA, Francisco José Santos Milreu, que não prestou nenhum concurso, respondeu a denuncia publicada na pagina de facebook da Professora Maíra Machado com o meme de uma dancinha, mostrando total descaso com os professores e com a própria crise que a universidade enfrenta.

sábado 22 de dezembro de 2018| Edição do dia

Os professores encontraram o edital do concurso que prestaram o que prova a enorme arbitrariedade na decisão da reitoria com as demissões. Um novo concurso já foi aberto, com salários bem menores do que os recebidos pelos professores atualmente, o que mostra a verdadeira face dessas demissões ilegais, e o projeto da reitoria e da prefeitura de Santo André, que é de desmonte da universidade aplicando a reforma trabalhista.

A FSA é uma universidade criada para atender as demandas da classe trabalhadora na região e que vem ao longo dos anos se elitizando, aumentando os preços das mensalidades e perseguindo estudantes.

No próprio dia 20 a professora Maíra Machado fez um vídeo em solidariedade aos professores demitidos, no qual o reitor da Fundação Santo André, Francisco José Santos Milreu, respondeu com um meme de uma dancinha comemorativa, mostrando o total descaso e falta de compromisso com os problemas que a universidade apresenta.

Repudiamos a atitude do reitor e a política aplicada por ele, junto à prefeitura de Santo André. Repudiamos o projeto dessa reitoria que está aliado ao discurso de Bolsonaro e seu ministro da educação. Para eles não são todos os jovens que precisam fazer curso superior. Esse discurso aliado a perseguição aos professores que já está se efetivando em todo o país com o movimento pela "Escola sem Partido", tende a precarizar ainda mais a qualidade do ensino em todo o país. Mas ao contrário do que pensa o "reitor" e o próprio governo, existe resistência e não engoliremos esses ataques!

Pela estatização da Fundação já, anistiando os inadimplentes e reduzindo drasticamente as mensalidades para que os filhos dos trabalhadores possam estudar!

Vejam a baixo o vídeo do qual o reitor fez chacota:

Leia também: Professores da Fundação Santo André iniciam greve por tempo indeterminado




Tópicos relacionados

#FSA   /    Educação   /    ABC paulista

Comentários

Comentar