Negr@s

CONSCIÊNCIA NEGRA

Doria tenta impedir 14ª marcha da Consciência Negra na Paulista

segunda-feira 20 de novembro| Edição do dia

A polícia de Doria tentou impedir que negros e negras se manifestassem nesta tarde do dia 20, realizando a 14ª macha da Consciência Negra. Há 14 anos coletivos e organizações se encontram para realizar esta manifestação. A pedido de Doria e da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), apareceu um forte aparato policial, visando impedir a realização do ato. Os manifestantes foram ameaçados de arcar com uma multa de mais de 6 mil reais.

A marcha, que tradicionalmente ocorre na Avenida Paulista, deixaria de ser realizada pela primeira vez, em um momento em que as reformas trabalhistas visam atacar diretamente a população negra e pobre, aprofundando ainda mais os postos de trabalho.

Para não permitir que a marcha fosse impossibilitada de ocorrer, os organizadores arcarão com a multa. O ato sairá do MASP e se encerrará nas escadarias do Teatro Municipal. Pablito Santos, dirigente nacional do MRT e coordenador do coletivo Quilombo Vermelho, disse o quão absurda é essa proibição mostrando a face racista e fascista da gestão Doria, apoiada por Alckmin e pela burguesia branca e elitista deste país.




Tópicos relacionados

PM São Paulo   /    Dia Nacional da Consciência Negra   /    João Doria   /    Racismo   /    Negr@s

Comentários

Comentar