Educação

DORIA GREVE PROFESSORES

Doria lança campanha eleitoral enquanto sua polícia espanca professores de SP

quarta-feira 14 de março| Edição do dia

Em plena campanha eleitoral para governador do Estado de SP (quando havia prometido a sua base eleitoral permanecer no cargo de prefeito), João Dória aproveita para enviar sua mensagem política: espancando professores municipais de SP que lutam contra a reforma da previdência municipal (SAMPAPREV).

A greve dos professores e trabalhadores da educação de São Paulo está com tanta força, que até mesmo a mídia golpista teve que assumir que 93% da categoria está parada. Os professores se jogam nessa grande luta para impedir a aprovação do SAMPAPREV, a versão municipal da Reforma da Previdência que Dória quer implementar.

Repudiamos veementemente essa repressão brutal da polícia paulista a mando de Dória e o aval de Geraldo Alckmin. Doria quer estadualizar seu programa eleitoral mostrando que não terá misericórdia contra os professores, assim como não piscou antes de fechar centenas de AMAs (ambulatórios municipais) utilizados pelos trabalhadores.

Queremos aqui fazer um chamado a todos os sindicatos de esquerda, especialmente as centrais da CSP-Conlutas e a Intersindical, coloquem toda sua força para ajudar a greve dos professores municipais de SP a vencer. Esta concentração de forças deve se concretizar num forte pólo anti-burocrático, que expresse a luta das bases dos professores, e seja capaz de exigir das centrais sindicais majoritárias (CUT e CTB em primeiro lugar) um plano de luta que comece pela solidariedade ativa na base de todos os seus sindicatos.

Os parlamentares do PSOL, e as organizações da esquerda, também precisam colocar toda a sua força aí, para que os professores tenham todo o apoio possível para derrotar o SAMPAPREV de Dória, cuja revés seria um grande trunfo para os trabalhadores em todo o país. Com essa união acreditamos que daremos o recado ao Doria, e teremos a força necessária pra vencer esse ataque e dar um grande exemplo pra toda a classe trabalhadora, impondo uma derrota ao PSDB e todos os golpistas no seu plano de que os trabalhadores paguem pela crise.

BASTA DE REPRESSÃO AOS PROFESSORES GREVISTAS DE SP! DORIA É RESPONSÁVEL!

TODA SOLIDARIEDADE À GREVE DOS PROFESSORES, PARA TRIUNFAREM CONTRA O SAMPAPREV DE DORIA!




Tópicos relacionados

Greve Professores Municipais SP   /    Greve professores SP   /    Educação   /    Professores

Comentários

Comentar