Mundo Operário

CALL CENTER DO DATAFOLHA

Denúncias de exploração no Call Center do DataFolha

Em meio às dezenas de denúncias anônimas que estamos recebendo sobre a precarização do trabalho nas empresas de telemarketing, recebemos anonimamente essa que denuncia a exploração no Call Center do DataFolha e em empresas que fazem pesquisa por telefone.

quarta-feira 17 de agosto| Edição do dia

"Sobre a exploração de trabalho nas empresas de telemarketing gostaria de ressaltar que empresas de pesquisas que trabalham com pesquisas por telefone também exploram igualmente os funcionários. Trabalhei dois anos para a empresa Datafolha do grupo Folha. Abri um processo trabalhista contra o assédio moral que sofri durante esse tempo e as péssimas condições de trabalho fora o descumprimento do pagamento em dobro dos domingos e feriados trabalhados. A coordenadora de pesquisas disse uma vez que nosso horário de trabalho era ridículo, portanto deveríamos trabalhar ininterruptamente. Implantaram um discador que vai ligação de cinco em cinco segundos, nos proibiram de utilizar celulares e colocaram os monitores para nos inspecionar.

Pesquisadores da empresa Datafolha, empresa pertecente ao Grupo Folha de São Paulo, trabalham em regime de exploração e em constante pressão e humilhação. Fora as péssimas condições de trabalho. Chegaram a nos obrigar a trabalhar sem água e permanecer no ambiente de trabalho mesmo com o alerta do setor de engenharia sobre as más condições do prédio. Detalhe, o prédio onde os pesquisadores do Datafolha trabalham atualmente já sofreu incêndio."




Tópicos relacionados

Call Center   /    Telemarketing   /    Mundo Operário

Comentários

Comentar