Danilo Magrão lança pré-candidatura a vereador de Campinas

Para fortalecer uma voz anticapitalista em Campinas, Danilo Magrão do Movimento Revolucionário de Trabalhadores lança pré-candidatura a vereador pelo PSOL

terça-feira 28 de junho de 2016| Edição do dia

“A juventude e os trabalhadores que fazem essa cidade funcionar merecem outro futuro. Campinas é conhecida por seus sucessivos escândalos de corrupção. Prefeitos afastados e centenas de cabides de emprego tem sido a regra. Na câmara de vereadores querem proibir o debate de gênero e sexualidade nas escolas. Nem mesmo nos deixam respirar, como Jonas e a PM mostraram com as repressões contra a Parada LGBT e o carnaval.

Nestas eleições, os mesmos políticos vão “prometer” soluções milagrosas para o desemprego, o aumento da inflação e para as péssimas condições do transporte, da saúde e da educação pública, mas no fim das contas vão continuar governando para os poderosos. Nossa candidatura vem para se enfrentar com tudo isso: não ficamos em cima do muro. Temos um lado, e é o dos trabalhadores, da juventude, das mulheres, dos negros e das LGBTs. "

"A demagogia será a regra no país todo. Temer está no poder graças a um golpe feito junto ao PSDB de Alckmin, a mídia e a justiça. Todos buscam manter e aproveitar ainda mais dos esquemas de corrupção e ataques a população. O PT que governou para os empresários junto aos piores setores da direita durante mais de uma década, sendo Jonas aliado de Dilma em eleições passadas, tentará se apresentar como alternativa. Vão tentar esconder que foram anos de esquemas corruptos e ataques contra nossos direitos. "

"Mas frente ao mar de lama dos poderosos e seus políticos mafiosos, há resistência e luta por mudanças. Os professores não baixaram a cabeça, e no estado e no munícipio, lutam contra a precarização da educação. Os secundaristas ocuparam dezenas de escolas e barraram o projeto de Alckmin que fecharia turnos e unidades de ensino. Os trabalhadores da MABE ocuparam a fábrica para lutar pelos seus direitos e emprego. Centenas de mulheres se levantaram “Por Todas Elas” contra a cultura do estupro. As LGBT’s desafiaram a proibição da prefeitura e dos preconceituosos e conservadores da Câmara, com milhares de pessoas nas ruas na Parada LGBT. Estudantes, trabalhadores e professores da Unicamp estão em greve para expandir o acesso da população, em especial da população negra e pobre, em uma das universidades mais elitistas do país. "

"Essas lutas apontam o caminho para construir uma sociedade completamente diferente da atual. Essa efervescência política e questionadora precisa ser uma expressão política nas eleições mostrando que os problemas que enfrentamos são frutos de um sistema de exploração e opressão à maioria da população. Os atuais políticos são os representantes deste sistema. E os trabalhadores, jovens, negros, LGBT’s e mulheres em luta são as vozes da transformação. Ao lado e junto com as pessoas que lutam dia-a-dia em Campinas, queremos apresentar a proposta de que todo vereador ganhe o salário de um professor da rede pública. É essa voz que queremos amplificar nessa eleição estremecendo a cidade com uma grande campanha anticapitalista. Que todo vereador receba o salário de um professor da rede pública! Venha construir conosco essa alternativa. “

CONHEÇA, CURTA E COMPARTILHE A PÁGINA DE DANILO MAGRÃO

Danilo Magrão e outras pré-candidaturas anti-capitalistas




Tópicos relacionados

Campinas

Comentários

Comentar