Economia

CRISE GAÚCHA

Crise no RS: fechamento de lojas gera mais desemprego

segunda-feira 16 de janeiro| Edição do dia

Foto: shopping em Bento Gonçalves.

Não só o Natal dos servidores públicos foi magro, mas também o de milhares de trabalhadores do estado. Assim, as compras de final de ano, e durante o ano todo, foram escassas, fazendo a crise chegar ao setor lojista.

Os altos aluguéis em centros de compras forçaram muitos estabelecimentos a fecharem as portas. Segundo a Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Rio Grande do Sul (FCDL-RS) os shoppings no Estado perderam 1.023 lojas, queda de 12,91% ante o ano anterior.

No final do ano passado foram 18,1 mil estabelecimentos que fecharam as portas no Brasil todo, a primeira retração em 12 anos de acordo com Estudo da Associação Brasileira de Lojistas de Shopping (Alshop).

Entretanto, como já foi escrito aqui e aqui, a crise não afetou o consumo da elite, aliás fez aumentar as lojas de luxo. Inacessíveis à classe trabalhadora essas lojas esbanjam luxo mostrando a quem a crise serve e quem paga a conta.




Tópicos relacionados

Caxias do Sul   /    crise econômica   /    Crise gaúcha   /    Economia

Comentários

Comentar