Educação

UNIVERSIDADES ONTRA O GOLPE

Contra censura do MEC, Universidades oferecem disciplina do "Golpe 2016"

terça-feira 27 de fevereiro| Edição do dia

Contra a ação do MEC golpista, com Mendonça Filho tentando impedir a disciplina Golpe de 2016 e o futuro da democracia no Brasil”[, oferecida pelo professor Luiz Felipe Miguel do Instituto de Ciência Política da Universidade de Brasília (Ipol/UnB), mais Universidades oferecerão a disciplina.

Por enquanto, a disciplina será ministrada na Unicamp, na Federal do Amazonas (UFAM), e na Federal da Bahia (UFBA), segundo levantamento do Blog do Pedlowski.

A Disciplina do "Golpe 2016" na UNB já está lotada e tem filas de espera imensas. Afinal de contas, saber porque o "Vampirão da Tuiuti" é presidente do país e como foi feito o processo do sequestro do voto popular é muito importante para entender a realidade atual no brasil.

Mendonça Filho, à frente do MEC, está tentando calar os professores e a comunidade acadêmica, depois de uma série de ataques ao ensino superior público. A censura proposta pela MEC contra o professor da UNB gerou uma avalanche de notas de repúdio.

Resta aos professores, servidores e estudantes, defenderem a autonomia universitária, assim como lutar contra os ataques do governo golpista de Temer, que principalmente desde a PEC 241, congelou o orçamento das universidades, e além disso, está jogando os investimentos em Ciência e Tecnologia no lixo, fazendo o Brasil retroceder em décadas nesta àrea. Temas para disciplinas do "Golpe 2016" não faltam e seria possível montar um currículo inteiro sobre o tema, mais que isso, é preciso partir das "classes de aula" para a "luta de classes".




Tópicos relacionados

Fora Temer   /    golpe   /    MEC   /    Golpe institucional   /    Michel Temer   /    Educação   /    Política

Comentários

Comentar