GASTOS ESPALHAFATOSOS

Comemorando ataques contra o povo, Bolsonaro gasta 600 mil pintando avião

Enquanto ataca os direitos do povo dizendo que o Estado brasileiro está em crise, Bolsonaro acumula gastos espalhafatosos com inutilidades e privilégios.

segunda-feira 19 de agosto| Edição do dia

Pintura do avião presidencial nas cores verde e amarelo sairá pela bagatela de R$ 600 mil reais. Bolsonaro comemora gastando espalhafatosamente o dinheiro público enquanto o povo terá de trabalhar nos finais de semana sem saber se conseguirá se aposentar.

O valor dos R$ 600 mil, mais o menos o mesmo que a compra de um apartamento de luxo ou uma pequena mansão, mostra como é farsante o discurso da "falência" do estado brasileiro, dito por Bolsonaro para a imprensa. Na realidade, Bolsonaro vive uma vida de maraja enquanto sucateia as Universidades e ataca os trabalhadores com a MP 881 e a reforma da previdência.

Junto ao avião verde amarelo, R$ 1,6 bilhões de reais foram gastos em medalhas para figuras ingratas, amigos e correligionários, apoiadores como o terraplanista Olavo de Carvalho, gente que nunca trabalho pelo bem do país, ou mesmo, nunca sequer trabalhou na vida.

Outro privilégio próprio da casta política foi gastar R$ 200 mil para ir assistir três jogos da seleção brasileira. É um absurdo que tenha estes gastos, enquanto trabalhadores têm suas contas no vermelho devido à falta de reajuste salarial e pela inflação que aumenta o custo de vida, combinado a ataques como a reforma trabalhista, a MP 881 e a reforma da previdência. E igualmente absurdo, quando hospitais acumulam filas extensas e pessoas morrem pela falta de recursos, enquanto que não se sabe de que maneira as universidades continuam ainda funcionando, já que não há recursos sequer para comprar papel higiênico, e funcionários terceirizados correm o risco de ficarem sem receber.




Tópicos relacionados

MP 881   /    Governo Bolsonaro   /    Reforma da Previdência   /    Universidade

Comentários

Comentar