FUNDAÇÃO PALMARES

Com medo da luta dos negros Fundação Cultural Palmares nega existência de Zumbi

A elite brasileira racista herdeira das elites colônias do período da escravidão, precisa negar a força da luta dos negros que impuseram o fim da abolição, ocultam seu medo secular das revoltas e rebeliões negras no país, no site Fundação Cultural Palmares representar Zumbi com uma mitologia negra e a Princesa Isabel como a verdadeira salvadora dos negros prova que até os dias de hoje a elite brasileira é pressionada e exprimida pelos negros e os interesses das potências imperialistas. Zumbi dos Palmares e a Princesa são duas figuras com interesses totalmente opostos e nesse 13 de maio temos que lembrar das tantas e tantas lutas do povo negro.

quarta-feira 13 de maio| Edição do dia

Existem provas concretas na historiografia brasileira sobre a verdadeira existência de Palmares, existem documentos registrado das Elites colônias reconhecendo Zumbi dos Palmares como Chefe de Estado, isso é uma prova viva da força dos quilombos dos Palmares. Retomando os grandes escritos do revolucionário trotskista, negro C.R.L James “O negro dócil é um mito, o único lugar onde os negros não se rebelaram é nos livros dos historiadores capitalistas. ”

O atual presidente do Fundação Cultural, Sérgio Camargo, é mais um aliado desse governo negacionista de Bolsonaro que em plena pandemia já mostrou suas verdadeiras preocupações que é manter os lucros dos grandes empresários e a economia ativa. Infelizmente segundo as informações do Ministério da Saúde, alcançamos mais de onze mil mortes pelo covid-19 e lamentavelmente os dados apontam que as principais vítimas são os negros, isso é mais uma prova que o racismo estrutural é fruto da expansão do capitalismo e que não acabou com o fim da escravidão, ao contrário, se mantém como parte fundamental da opressão da burguesia.

O site da Fundação Cultural Palmares além de estampar uma história mentirosa sobre as lutas, revoltas e rebeliões dos negros, estampa um profundo medo que a burguesia brasileira sempre vai carregar enquanto existir o povo negro no capitalismo, a burguesia teme a revolta dos negros porque ela reconhece que os negros serão seus próprios coveiros. Essa campanha em homenagem a Princesa Isabel é uma amostra do medo e das disputas ideológicas da burguesia.




Tópicos relacionados

negras e negros   /    [email protected]

Comentários

Comentar