ELEIÇÕES 2018

Com 88% de urnas apuradas, o ultra-reacionário Bolsonaro praticamente eleito presidente

Com 88% de urnas aprovadas, Bolsonaro é quase matematicamente eleito o novo presidente do país com 55,7%. Haddad ficou com 44,3% dos votos válidos. Precisamos construir milhares de comitês de luta pelo país: trabalhadores, jovens, mulheres, negros e LGBTs combatendo nas ruas Bolsonaro, o golpismo e as reformas.

domingo 28 de outubro| Edição do dia

Com a apuração praticamente finalizada, Bolsonaro está quase matematicamente eleito o novo presidente do Brasil. Fernando Haddad (PT) está com 44,3% dos votos válido, contra 55,7% do ultra-reacionário Bolsonaro. 21,12% não compareceram as urnas, e votos brancos e nulos somam 9,53%.

O filho indesejado da Lava-Jato, Jair Bolsonaro, foi eleito nessas eleições descaradamente manipuladas pelo judiciário, que prendeu arbitrariamente o ex-presidente Lula, sequestrou votos de milhares através da biometria e que não combateu as fake news mais absurdas de Bolsonaro, fomentadas por um grupo vasto de empresários que gastaram R$ 12 milhões em compra de "pacotes de disparo de mensagens" via WhatsApp.

Precisamos construir uma força real, de trabalhadores, jovens, mulheres, jovens e LGBTs, organizados em milhares de comitês de luta pelo país, para combater Bolsonaro, o golpismo e as reformas.




Tópicos relacionados

Comitês contra Bolsonaro   /    Eleições 2018   /    Bolsonaro   /    Haddad

Comentários

Comentar