Política

CANDIDATO ELITISTA

Candidato apoiado pelo PSDB para a prefeitura de Curitiba afirma ter nojo de pobre

O ex-prefeito de Curitiba, Rafael Greca, atualmente no PMN, está em primeiro na corrida eleitoral á Prefeitura. De acordo com a pesquisa Ibope, ele tinha 45% das intenções de voto contra 16% do prefeito Gustavo Fruet (PDT), candidato á reeleição. Para viabilizar a candidatura, Greca coligou-se com seis partidos, entre os quais, o PSDB do governador Beto Richa.

Guilherme de Almeida Soares

São José dos Campos

sábado 24 de setembro| Edição do dia

Nesta quinta feira, em conversa na Pontifícia Universidade Católica do Paraná, ele fez o seguinte comentário contra a população pobre: "Eu nunca cuidei dos pobres, até porque eu não sou São Francisco de Assis. Até porque quando fui tentar colocar algum pobre para dentro do meu carro, eu vomitei’’.

Esta declaração do candidato Rafael Greco, mostra como a burguesia brasileira carrega dentro de si os pensamentos mais reacionários propostos pela classe dominante. Esta visão de mundo, pregada pelo candidato, mas também por muitos que só serve para que a classe burguesa legitime o seu sistema pautado pela miséria, fome e o elitismo.

Por trás do comentário Rafael Greco contra a população pobre, mostra também que se depender deste candidato, sua postura vai ser governar para os grandes empresários que estão por trás de sua candidata. Por isso a sua postura é inferiorizar a população pobre, pois para que o governo de Temer consiga impor as medidas contra os trabalhadores e a população pobre, tem que tratar aqueles que vão sofrer com os ataques como se fosse "um bicho inferior’’.

Isto é a verdadeira face do pensamento burguês. O típico de pensamento daqueles que olham a população trabalhadora e pobre através das janelas de suas mansões. O candidato Rafael Greco é apenas mais um que querem higienizar a cidade, que em outras palavras é excluir cada vez mais a população pobre para que os grandes empresários tenham um espaço ""em que sintam confortáveis’’ para lucrar.




Tópicos relacionados

Eleições 2016   /    Política

Comentários

Comentar