conune

CONUNE 2019: Conheça a Juventude Faísca que luta contra a burocracia e ao lado dos trabalhadores

A Faísca - anticapitalista e revolucionária, impulsionada pelo Movimento Revolucionário de Trabalhadores (MRT), surge como novidade neste 57º Congresso da UNE.

domingo 14 de julho| Edição do dia

Uma juventude que nasceu em 2016 em meio às ocupações secundaristas para lutar contra o golpe institucional que colocou no poder o projeto neoliberal de Michel Temer e que tinha como objetivo aplicar ataques contra a classe trabalhadora ainda mais duros e de forma mais acelerada do que o PT já vinha aplicando.

A Faísca batalha duramente nas ruas e em cada local de estudo contra o governo de extrema-direita de Bolsonaro e a Lava Jato de Sérgio Moro, que inclusive prendeu Lula arbitrariamente e foi responsável por sequestrar o direito de milhões de votarem em quem quisessem. Essa juventude luta contra a reforma na previdência, os cortes na educação e o obscurantismo Olavista que persegue a esquerda e os professores com o reacionário projeto Escola Sem Partido. Além disso, para a Faísca, trata-se de uma batalha de princípio lutar contra todo tipo de opressão, por isso atua ao lado do grupo internacional de mulheres Pão e Rosas. Fruto disso, sua delegação no CONUNE é composta majoritariamente por mulheres (90% de seus delegados são mulheres), negros e LGBTs.

PODE INTERESSAR: "A revolução operária no Brasil será feminina e negra", diz Diana Assunção no 57° CONUNE

Hoje o capitalismo submete a classe trabalhadora a condições extremas de exploração e opressão. Tendo a clareza de que não se trata de um sistema passível de ser humanizado, a aliança com a classe trabalhadora para a superação desse sistema vem em primeiro lugar. Por isso, propomos às oposições que compõem a UNE hoje a construírem um pólo nacional anti-burocrático e aliado aos trabalhadores para enfrentar o burocratismo da majoritária composta pela UJS, Juventude do PT e Levante Popular, grupos estes que tentam lavar a cara dos governadores do PT e PCdoB que apoiaram a reforma da previdência, chegando ao absurdo de implorar para Maia expandir a reforma para os estados e municípios também.

LEIA TAMBÉM: Centrais e UNE organizam ato testemunhal dois dias após aprovação da Reforma

Para entrar em contato com a Faísca, busque nossa militância mais próxima da sua cidade ou estado.

SP - Odete Cristina: 11 95381-7803
RJ - Isa Santos: 21 97472-9750
RS - Fabrício: 51 8220-4404
MG - Maré: 31 7557-3384
ES - Sara Fernandes: 21 99979-7608
RN- Italo: 19 98290-2559
DF - Letícia: 61 8268-7278




Comentários

Comentar