Sociedade

CORONAVÍRUS

Brasil chega a 2.598 casos de Coronavírus confirmados, para Bolsonaro é apenas uma "gripezinha"

As secretárias estaduais de saúde divulgaram até agora, as 12hs, do dia 26/03, no número de 2.598 casos confirmados do novo Coronavírus no Brasil, com um total de 63 mortos, 48 deles somente em São Paulo.

quinta-feira 26 de março| Edição do dia

Bolsonaro, buscando atender aos interesses dos empresários, que para garantir seus lucros passam por cima das nossas vidas, dá declarações dizendo que devemos voltar ao trabalho, como se não estivessem ocorrendo milhares de mortes no mundo. A China chegou ao número de 81 mil infectados, a Itália com 74 mil e o Estado Espanhol mais de 56 mil, mas para Bolsonaro tudo não passa de uma "gripezinha", e a epidemia pode ser contida se todos cuidarem de seus avós.

É necessário testes para todos, possibilitando sabermos o real número de infectados e, assim, podermos pensar maneiras de isolar essas pessoas em locais apropriados para fortalecerem sua imunidade, assim como fornecer o tratamento adequado a todos os grupos de risco, porém, hoje, os testes disponíveis não chegam nem perto do que seria necessário ao nosso país, ao mesmo tempo que os governos não tomam medidas eficazes para mudar esse cenário.

A sociedade capitalista preparou as bases para a pandemia que vivemos hoje, com uma péssima rede de saúde que não dava conta dos doentes antes mesmo do surto do COVID-19, e agora querem que deixemos nossas vidas para manter os lucros dos grandes capitalistas.

Testes para todos, taxação das enormes fortunas dos grandes empresários, com valores revertidos para tratamento e prevenção do Coronavírus, e o não pagamento da dívida pública, aliado aos trabalhadores estarem com o controle das fábricas e hospitais, em conjunto com a população, votando e decidindo sobre os rumos a serem tomados para salvar nossas vidas, é o que poderia salvar vidas e permitir a luta contra esse sistema que mata milhares em nome do lucro de poucos.




Tópicos relacionados

Coronavírus   /    Governo Bolsonaro   /    Sociedade   /    Saúde

Comentários

Comentar