RACISMO

Bombril lança produto "Krespinha" com forte conotação racista

Em meio a um debate crescente sobre o racismo no pais e no mundo, a marca brasileira de produtos de limpeza Bombril mostrou sua face racista.

quinta-feira 18 de junho| Edição do dia

Imagem: Reprodução/ Twitter

Em meio a um debate crescente sobre o racismo no pais e no mundo, a marca brasileira de produtos de limpeza Bombril mostrou sua face racista nesta madrugada (17) por colocar em catálogo, uma esponja de aço chamada “krespinha”, criada em 1952 e que de acordo com a empresa, seria ideal para limpezas pesadas.

Em meio a uma pandemia que é vista por Bolsonaro como gripezinha, e encarada sem seriedade por sua corja de governantes, onde negros e negras vem sofrendo com o desemprego, ataques policias racistas e risco de contaminação por COVID-19, temos que ter acesso a informações como essas, onde uma empresa que existe desde 1948, faturando milhões com a exploração de trabalhadores, incluindo negros, se acha no direito de satirizar o povo negro em um de seus produtos. Tal lançamento causou indignação nos internautas que atuaram com força no Twitter deixando a hashtag #Bombrilracista entre os assuntos mais comentados pela manhã. Após a repercussão, a marca retirou a linha do mercado.

Nesse momento em que nosso país atravessa uma enorme crise sanitária, social e política, precisamos nos organizar em uma só classe, trabalhadores e trabalhadoras, negros e brancos em uma só luta contra o racismo, para expressarmos a fúria negra que assolou as ruas nos EUA aqui no Brasil também, combatendo toda e qualquer atitude racista dos empresários, lutando contra esse sistema capitalista racista que dia após dia despejam toda a crise nas nossas costas. Precisamos deixar bem claro que vidas negras importam e não vamos nos calar frente a ações racistas da burguesia.




Tópicos relacionados

Racismo   /    [email protected]   /    Gênero e sexualidade

Comentários

Comentar