QUEM MANDOU MATAR MARIELLE FRANCO?

Bolsonaro se compara à Marielle, assassinada por milicianos que sua família defende

Em seu pronunciamento de hoje (24), referente a saída de Sérgio Moro do seu cargo de ministro, Bolsonaro fez uma menção absurda ao assassinato de Marielle Franco. Em seu discurso, o presidente disse “ A PF de Sérgio Moro se preocupou mais com quem matou Marielle do que com quem tentou matar seu chefe supremo. Cobrei muito deles aí, interferi”.

sexta-feira 24 de abril| Edição do dia

O assassinato de Marielle Franco, configura-se como uma ferida aberta do golpe institucional que segue sem respostas sobre seus mandantes, Marielle foi assassinada quando lutava contra a intervenção Federal nas favelas do Rio de Janeiro. A sua morte, com bem se sabe, teve envolvimento das milícias cariocas, que possuem com a família Bolsonaro. Sabe-se que o presidente e a sua família possuem relações em seu assassinato e é um absurdo que se compare a ela, tendo como objetivo desviar seu envolvimento com o caso e para falar sobre a PF.

Mulher negra, favelada e lgbt Marielle tinha suas pautas antirracista contra a realidade de opressão que os negros e negras são expostos cotidianamente no sistema capitalista.

Frente ao absurdo que representa a declaração de Jair Bolsonaro sobre o assassinato de Marielle, a batalha por uma investigação independente, conformada por grupos sociedade civil e movimentos sociais se torna extremamente necessária. Precisamos disso para chegar nos verdadeiros mandantes do seu assassinato.

É preciso mais do que nunca rechaçar esse governo de extrema direita que naturaliza o assassinato de militantes de esquerda, nós do Esquerda Diário seguiremos defendendo Fora Bolsonaro, Mourão e Militares, mas esse ódio não pode ser canalizado para o fortalecimento de setores do bonapartismo institucional que querem arrancar nosso sangue. Nenhum confiança em Moro, governadores e STF! todos golpistas de marca maior, somente impondo uma

Assembleia Constituiente Livre e Soberana seremos capazes de dar uma saída independente onde seja o povo que decida os rumos do país no combate a pandemia e as crises política e econômica que se aprofundam a cada dia, nos escombros de um regime que nada tem de democrático e só nos reserva morte e miséria.




Tópicos relacionados

#JustiçaParaMarielle   /    Flavio Bolsonaro   /    Carlos Bolsonaro    /    Governo Bolsonaro   /    Extrema-direita   /    Marielle Franco   /    Jair Bolsonaro

Comentários

Comentar