Política

BOLSONARO

Bolsonaro diz que quarentena era "para os fracos" em discurso no Mato Grosso

Bolsonaro, em encontro no Mato Grosso, mais uma vez colocou para fora suas falas negacionistas, agradecendo os trabalhadores rurais do estado por não comprarem a "conversinha mole de ficar em casa".

sexta-feira 18 de setembro| Edição do dia

Foto: TV Brasil / Reprodução 18-09-2020

Bolsonaro discursou para apoiadores dos setor agrícola no Mato Grosso, e "parabenizou" os trabalhadores que em nenhum momento tiveram direito de quarentenas durante a pandemia. "Vocês não caíram na conversinha mole de ficar em casa" disse Bolsonaro.

No encontro com produtores rurais, Bolsonaro mostrou em sua fala as características de seu discurso negacionista, apoiado na economia, fazendo demagogia com estes trabalhadores que se arriscaram durante toda a pandemia.

Assim como Bolsonaro, outras instituições da política nacional, como o Congresso, Governadores e também o STF, foram parte de deixar um amplo setor dos trabalhadores do país inteiro sendo obrigados a trabalhar sem testes durante a pandemia, e sem garantias de segurança e saúde

O governo também não utilizou toda a verba destinada para o combate à pandemia, mas se usa de um discurso negacionista para uma base de ruralistas e trabalhadores rurais que apoiam o presidente.

Antes de pousar no Mato Grosso, o avião de Bolsonaro arremeteu, por conta da fumaça das queimadas na região, as mesmas que Bolsonaro nega existirem.




Tópicos relacionados

Negacionismo   /    Quarentena   /    Crise do Coronavírus   /    COVID-19   /    Mato Grosso   /    Coronavírus   /    Governo Bolsonaro   /    Trabalhadores   /    Jair Bolsonaro   /    Política

Comentários

Comentar