Internacional

ELEIÇÕES EUA

Biden ganha em Michigan e se perfila como o candidato democrata contra Trump

Nesta segunda Super Terça de eleições democratas, Joe Biden abre uma importante vantagem sobre seu competidor mais importante, Bernie Sanders.

quarta-feira 11 de março| Edição do dia

Os resultados das eleições primárias democratas nos estados de Mississipi, Missouri e Michigan, segundo as projeções, revelam uma vitória de Joe Biden contra Bernie Sanders na corrida rumo às eleições presidenciais contra Donald Trump.
“Até o momento, com 55% dos votos contados, Biden encabeça a contagem com 53% frente aos 39% de Sanders”.

Washington, Idaho e Dakota do Norte são os estados que, dos seis onde aconteceram as votações desta terça, ainda restam. A secretária de Estado, Jocelyn Benson, anunciou que os resultados finais poderiam ser conhecidos já nesta quarta (11).

A importância de Michigan, nesta terça, não reside apenas nos 125 delegados que tinha em jogo, mas também no peso que esse estado terá nas eleições de novembro. Depois de 25 anos de voto democrata, o estado de Michigan, bastião industrial dos EUA, foi decisivo na chegada de Trump à Casa Branca, ao mesmo tempo em que este estado deu um triunfo a Sanders nas internas democratas.
“Washington outorga 89 delegados, Mississipi 36, Dakota do Norte 14, Idaho 13 e Missouri 68.”

Biden chegou nessa jornada eleitoral com uma vantagem de 670 contra 574 delegados de Sanders e ainda com uma centena de delegados pendentes de distribuição dos votos. Para obter a candidatura do Partido Democrata, é necessário reunir 991 delegados na convenção de Wisconsin, preparada para o próximo mês de julho.

“O panorama para uma possível recuperação se complica para Sanders, pois os estados onde ainda faltam votações para serem realizadas são os mesmos que Hillary Clinton ganhou nas primárias de 2016.”

Portanto, estes resultados consolidam o resgate anunciado desde a última Super Terça, quando ficou manifesto o respaldo a Biden pelo establishment do Partido Democrata contra Bernie Sanders, que ainda vivo na corrida presidencial, fica mais longe de levar a frente esse processo.




Tópicos relacionados

Donald Trump   /    Bernie Sanders   /    Internacional

Comentários

Comentar