Política

CRISE NOS ARES

Avião com Gilmar Mendes sofreu pane e não caiu, o piloto passa bem

sexta-feira 23 de junho| Edição do dia

Avião que carregava Gilmar Mendes para o Pará sofreu pane e teve de voltar à Brasília no meio do caminho. O Ministro do Supremo Tribunal Federal e Presidente do Tribunal Superior Eleitoral ia ao Pará em um avião da FAB, após o segundo dia de julgamento sobre a validade da delação da JBS que decidiu pela impunidade aos executivos da multinacional.

Ao identificar a pane, o piloto da aeronave VU-35 trouxe Gilmar Mendes de Volta à Brasília, local aonde Gilmar Mendes absolveu Temer com seu "voto de minerva" discursando em defesa da "normalidade institucional" em um julgamento que custou 21 milhões aos cofres públicos.

Torcemos pelo piloto, e apesar de não termos nenhuma simpatia por Gilmar, não seria pelas mãos do acaso ou do azar que os juízes com seus altíssimos privilégios pagos para proteger os corruptos serão punidos, assim como não foi pelas mãos da justiça que haverá uma saída que contemple os trabalhadores nesta crise política em que o país se encontra. Só mesmo nos organizando para impor às Centrais Sindicais a greve geral, inclusive à Força Sindical e a UGT que já anunciaram sua traição. Confiando em nossas próprias forças podemos lutar por uma saída dos trabalhadores que anule todas as reformas e faça os capitalistas pagarem pela crise com seus lucros.

(Foto: Evaristo Sa /AFP)




Tópicos relacionados

TSE   /    Gilmar Mendes   /    STF   /    "Partido Judiciário"   /    Política

Comentários

Comentar