Educação

GREVE NA UFSC

Assembleia estudantil na UFSC hoje decidirá os rumos da greve

Hoje às 18h no Auditório da Reitoria da UFSC os estudantes de graduação decidirão os rumos da greve que já dura mais de um mês contra os ataques de Bolsonaro à educação.

quinta-feira 17 de outubro| Edição do dia

Há mais de um mês os estudantes da UFSC estão em greve dando um exemplo para todo o país de como combater os ataques de Bolsonaro à educação. A nacionalização da greve é um debate vivo entre o movimento grevista da UFSC, que sabem que este é o único caminho para avançar na luta contra os ataques de Bolsonaro e Weintraub. Além fazer caravanas para divulgar sua greve em outras universidades, os estudantes da UFSC ja fizeram chamados e exigências por uma greve nacional da educação às entidades nacionais dos estudantes como UNE e ANPG, que entretanto ignoraram os chamados e trabalharam para isolar a greve, sequer noticiando a greve em seus sites.

Hoje os estudantes se reunirão em assembleia para decidir os rumos da greve. Desde o início deste mês, as correntes que compõe o DCE como Afronte, UJC, JCA e PT vêm defendendo o fim da greve. Há quase 40 dias de greve, o movimento perdeu força em alguns cursos, mas segue tendo adesão em outros, na última assembleia, dia 04/10, os estudantes em assembleia votaram em ampla maioria pela continuidade da greve.

A assembleia será hoje(17), às 18h no auditório da Reitoria e será discutida a continuidade ou não da greve.




Tópicos relacionados

Future-se   /    Santa Catarina   /    Greve   /    Educação

Comentários

Comentar