Educação

SECUNDARISTAS

Após um dia de ocupação EE Caetano de Campo é invadida pela polícia e alunos desocupam escola

sábado 8 de outubro| Edição do dia

Foto: Renata Tavares

Os alunos da Escola EE Caetano de Campo, na Praça Roosevelt no centro de São Paulo, foi ocupada ontem contra a reforma escolar no ensino médio proposta pelo governo de Michel Temer. Após um dia de ocupação hoje a tropa de choque, a mando da diretora da escola, invadiu a escola com um forte aparato policial com o objetivo de retirar os estudantes que lutavam contra este ataque vindo do governo golpista de Temer. Após um dia de tensão, os alunos resolveram desculpar a escola.

Esta ocupação ocorreu num momento onde há mais de 50 escolas ocupadas pelos estudantes em diversos Estados no país contra a reforma escolar proposta pelo o governo Michel Temer. Os alunos secundaristas não concordam com esta medida, pois se trata de uma clara para poder cortar dinheiro da educação.

Por mais que a polícia militar tenha desocupado a Escola Estadual Caetano de Campo, os alunos deixaram claro que não vão aceitar o governo golpista de Michel Temer implementar este ataque contra a educação.

Sabemos que a polícia só reprimiu a ocupação de EE Caetano de Campos, pois a SEE-SP e o governo do Estado de São Paulo sabem que os estudantes secundaristas, que conseguiram barrar a reorganização escolar de Geraldo Alckmin no ano passado, são capazes de repetir o mesmo feito contra a reforma escolar de Michel Temer. É preciso se solidarizar ativamente com esta importante batalha.

No vídeo abaixo, estudantes desocupam a EE Caetano de Campos




Tópicos relacionados

Governo Temer   /    Secundaristas   /    #OCUPATUDO   /    Educação   /    São Paulo (capital)

Comentários

Comentar