#BREQUEDOSAPPS

Apoie o breque de entregadores! Não peça nada por APPs hoje!

No dia de hoje acontece nova paralisação dos entregadores por melhores condições de trabalho em meio a pandemia. Saiba como apoiar!

sábado 25 de julho| Edição do dia

Imagem: Divulgação/Guimel Salgado, PANDELIVERY

Não peça nada por aplicativos!

Como parte de apoiar essa importante paralisação, os entregadores estão chamando a que a população não peça nada por aplicativos no dia hoje e realize um boicote que possa ajudar esses trabalhadores a atingirem os verdadeiros responsáveis pela situação absurda em que se encontram, de falta de direitos básicos de trabalho e sobrevivência, a Ifood, Rappi, UberEats, Loggi, dentre outras empresas que se apoiam no discurso de Bolsonaro de "modernização das relações de trabalho" para impor verdadeiros regimes de semiescravidão a uma enorme massa de trabalhadores.

Compartilhe e divulgue a mobilização!

Seja parte de divulgar as iniciativas que estão acontecendo hoje em diversas cidades. O Esquerda Diário, em uma cobertura especial, irá noticiar as mobilizações. Acompanhe e divulgue essa importante luta em suas redes sociais e compartilhe com seus amigos.

Participe da campanha de fotos: Todo apoio à paralisação internacional dos entregadores de app!

O Esquerda Diário está recebendo fotos de todo o país, de estudantes e trabalhadores de diversas categorias que demonstraram seu apoio ao breque dos entregadores, participe você também!

A paralisação dos entregadores ocorre em meio a um momento crítico da pandemia, em que o negacionismo de Bolsonaro e a política dos governadores, ambos que priorizam os lucros às vidas, cobram seu preço mais cruel: a morte de dezenas de milhares pela covid-19. Os entregadores de app são linha de frente dos setores mais expostos ao risco de contaminação e não recebem sequer EPIs das empresas de aplicativo, que não se responsabilizam pelas mortes de entregadores em pleno exercício de trabalho.

Essa é a segunda paralisação nacional e suas principais revindicações são o aumento do valor mínimo das corridas, o fim dos bloqueios indevidos, a exigência de um seguro de roubo e acidente de vida, o fim do sistema de pontuação e o auxílio pandemia, que inclui EPIs e licença remunerada.

É um ato de solidariedade que todos hoje boicotem os serviços de aplicativo delivery! Não peça nada! Apoiemos esta luta!




Tópicos relacionados

25J&breque   /    Breque dos apps   /    Entregadores

Comentários

Comentar