Internacional

ESPORTES

Alemanha: Borussia Dortmund zomba da extrema direita

O clube da Bundesliga postou um vídeo em sua conta oficial onde ridiculariza os neonazistas, em forma de repúdio ao resultado eleitoral obtido pelos fascistas da Alternativa pela Alemanha

terça-feira 26 de setembro| Edição do dia

Soam alguns alarmes na Alemanha: para o resultado obtido pelo conservador partido oficial de Angela Merkel (CDU), que se transformou na maior notícia da jornada eleitoral do último domingo e o avanço da extrema direita que, representada pelo partido Alternativa para Alemanha (AfD), obteve 13% dos votos e conquistou cerca de 90 cadeiras no Bundestag (o parlamento alemão).

Diante disso, o popular Borussia Dortmund – cuja torcida tem tradição antifacista – publicou em suas redes sociais um vídeo singular no qual se ridiculariza aos neonazistas e membros de coalizões de ultradireita: os facistas tentam jogar futebol, mas não sai nada, e a bola termina na boca de um cão pastor alemão.

A mensagem é bem clara: “Futebol e nazismo não combinam”. E completam com a frase: Borrusia unida. Juntos contra o racismo”.

A iniciativa, impulsionada pelo clube, foi a maneira encontrada pelo Borussia para repudiar o avanço de coalizões direitistas como Alternativa pela Alemanha; Com um toque de humor tenta afastar os nazistas dos palanques.

Tradução: Zuca Falcão




Tópicos relacionados

Esporte   /    Internacional

Comentários

Comentar