Sociedade

ALCKMIN

Alckmin que aplaudia clínica da ração humana faz demagogia usando o Bom Prato

sábado 21 de outubro| Edição do dia

Em recente post na página do governo do Estado de São Paulo, Alckmin coloca uma foto em que aparentemente defende o Bom Prato, enquanto aplaude a clínica parceira da empresa Sinergia, suspeita de causar 14 mortes e que quer dar ração à população pobre em nome do “combate à fome”.

A foto divulgada no perfil do governo do Estado de São Paulo apresenta um prato “ideal” de comida, de acordo com os valores nutricionais e balanceada, pelo preço de 1 real. De fato, uma ótima opção de prato, para os trabalhadores e a juventude, que já sofre com os cortes nos direitos trabalhistas e já se vê em dificuldade para se alimentar bem.


Reprodução do Facebook: postagem realizada pela página do Governo do Estado de São Paulo sobre o Bom Prato

A contradição se coloca quando os governos do estado e da cidade de São Paulo são do mesmo partido (PSDB), e há uma grande diferença entre as duas políticas de alimentação da população pobre. Apesar de tentar se diferenciar da gestão de Dória, que quer implementar ração como forma de alimentação inclusive das crianças em suas merendas, Alckmin apenas tenta se diferenciar de Dória e amenizar a imagem negativa que pode recair sobre seu partido, quando volta a fazer uma propaganda de seu programa Bom Prato.

A verdade é que nem Dória e nem Alckmin se preocupam com a alimentação da população pobre paulistana, uma vez que Alckmin também foi ator nos cortes na educação, tentando fechar escolas e no caso da "Máfia da Merenda". O projeto de Alckmin não se diferencia de Dória: promover uma intensa privatização e parcerias com capitalistas.

Anos atrás, os próprios gestores do Bom Prato, ameaçaram fechar os restaurantes
exigindo mais dinheiro do governo, mostrando a necessidade de se estatizar o Bom Prato, para a criação de mais restaurantes públicos.




Tópicos relacionados

João Doria   /    Alckmin   /    Sociedade   /    São Paulo (capital)

Comentários

Comentar