Política

CRISE POLÍTICA

Aécio recebeu 60 milhões da JBS, delação acusa compra de apoio de partidos na eleição 2014

quinta-feira 18 de maio| Edição do dia

Aécio recebeu 60 milhões de propina segundo delação de Joesley Batista. Além da conversa gravada por Joesley Batista, de Aécio Neves pedindo 2 milhões em propina, que seria depositada em empresa do Senador Zezé Perrela (PMDB-MG).

Segundo Joesley, a propina de 60 milhões foi paga em 2014 através de notas fiscais frias (fraudadas). Joesley revela em sua delação que também comprou partidos políticos para apoiar Aécio Neves para eleição presidencial neste mesmo ano.

Janot já havia pedido prisão de Aécio, que foi afastado do cargo de Senador, enquanto que sua irmã dele já foi presa por envolvimento no esquema, e uma busca e apreensão é realizada nas propriedades de Aécio Neves.

O PSDB está aguardando a renúncia de Aécio Neves da presidência do partido.

Feito com novas informações reveladas no blog do Lauro Jardim.




Tópicos relacionados

Aécio Neves   /    Política

Comentários

Comentar