Mundo Operário

PORTO ALEGRE

Adailson rodoviário é reintegrado!

Após 17 meses de luta pela reintegração dos rodoviários demitidos após a greve no início de 2014 em Porto Alegre, o rodoviário Adailson foi readmitido e agora volta a trabalhar na empresa Trevo.

sexta-feira 11 de dezembro de 2015| Edição do dia

No início do ano de 2014, os rodoviários de Porto Alegre paralisaram a cidade durante vários dias em defesa dos seus direitos. Após o término dessa greve, a resposta que a empresa deu foi a perseguição política a vários dos lutadores que estavam na linha de frente da luta. Tratou-se de uma ofensiva da patronal que atingiu tanto trabalhadores da empresa municipal Carris quanto das privadas, como a Trevo.

Foram inúmeras demissões, mas que não foram suficientes para abaixar a cabeça dos rodoviários e logo foi feita uma forte campanha pela readmissão de todos. Após 17 meses de intensa luta, sem nunca desistir, o rodoviário Adailson entrou para a história da Trevo a ser o primeiro rodoviário a ser demitido e readmitido.

Mesmo com o advogado da empresa se utilizar das formas mais desesperadas de se livrar do Adailson, cipeiro e liderança reconhecida na categoria, a decisão do tribunal do trabalho foi por 2 votos a 1. Tal decisão só foi possível após meses e meses de uma luta ferrenha pela readmissão de todos os demitidos. Trata-se de uma vitória de todos os trabalhadores da categoria, pois readmitindo o Adailson pode servir como um importante ânimo para o conjunto da categoria se mobilizar ainda mais para readmitir os outros demitidos.

Sobre isso, Adailson comenta: "Seguiremos aqui, amparados um no outro, e tocando as lutas que se anunciam. Aos companheiros que ainda se seguem demitidos, fica a certeza de que tocaremos o comitê em busca de recursos, até que todos tenham seus processos resolvidos. Ninguém ficará para trás ou perecerá diante das dificuldades impostas por essa patronal mafiosa que se apossou da cidade de Porto Alegre e que pensam que na justiça se livram dos trabalhadores e podem fazer o que quiserem. Tentaram ganhar no grito, mas aqui em POA, a patronal não tem arrego!!"

Na semana que vem vai haver o dissídio coletivo e a categoria já está em campanha salarial. Uma vitória como essa pode dar um gás para os rodoviários se enfrentarem contra os interesses da empresa e sair dessa campanha com uma conquista importante.




Tópicos relacionados

#Readmissãojádosrodoviários   /    Mundo Operário

Comentários

Comentar