Mundo Operário

CORONAVÍRUS

Abatedouro no Paraná tem mais casos de COVID-19 que a própria cidade para manter lucros

Empresa abatedoura de aves na localidade de Cianorte registra a escandalosa quantidade de 93 casos confirmados de contagiados por COVID-19. A cidade possui 90 casos confirmados. Segundo declarações da empresa eles tem tomado todas as medidas de segurança necessária e recentemente afastaram 800 funcionários.

sexta-feira 5 de junho| Edição do dia

Empresa abatedoura de aves na localidade de Cianorte registra a escandalosa quantidade de 93 casos confirmados de contagiados por COVID-19. A cidade possui 90 casos confirmados. Segundo declarações da empresa eles tem tomado todas as medidas de segurança necessária e recentemente afastaram 800 funcionários. Mas os 93 casos dentro de 1 só empresa só pode se explicar pelo descaso da empresa e a preocupação desta com os próprios lucros e com os dos empresários de aves da região que a traves do abatedouro abatem mais de 216 mil aves diariamente.

Ainda que a empresa declare preocupação com os trabalhadores sabemos que as empresas agem velando pelos seus interesses monetários. Muito provavelmente a produção se manteve alta até o problema virar um escândalo de proporções nacionais e que denunciamos aqui no Esquerda Diário assim como outros casos revoltantes onde os lucros importam mais do que a vida dos trabalhadores como o caso de 14 mortes por COVID-19 entre os trabalhadores do transporte em Recife ou as péssimas condições de atendimento e de trabalho de hospitais públicos como o Hospital Nilton Lins em Manaus onde indígenas protestam exigindo melhores condições de atendimento para enfrentar a crise ou o Hospital Geral de São Mateus em São Paulo onde os próprios trabalhadores do hospital realizaram um protesto denunciando os planos de precarização do em meio a pandemia por covid-19 que hoje supera as 30 mil mortes no Brasil, cifras que podem ser muitíssimo maiores considerando a alta deficiência de testes e a generalização da subnotificação.

Segundo declarações do prefeito de Cianorte Claudemir Bongiorno do MDB, a cidade encontra-se com 30% da capacidade hospitalar utilizada por pessoas contagiadas pela COVID-19 além do papel criminoso dos donos do abatedouro, a cidade de Cianorte foi uma das primeiras a reabrir o comercio no estado de Paraná. Enquanto os lucros dos empresários continuarem sendo prioridade antes do que as vidas dos brasileiros o situação da pandemia continuará piorando.




Tópicos relacionados

Coronavírus   /    Paraná   /    Mundo Operário

Comentários

Comentar