Internacional

ARGENTINA

A Frente de Esquerda argentina lança seus vídeos de campanha eleitoral

A FIT (Frente de Esquerda e dos Trabalhadores da Argentina) destaca sua participação nas lutas dos trabalhadores contra o ajuste.

sexta-feira 21 de julho| Edição do dia

A Frente de Esquerda se coloca em campo com os spots eleitorais, que começaram a ser transmitidos na segunda-feira em todos os meios, com vídeos que colocam como eixo a participação da esquerda nas lutas dos trabalhadores, tomando o exemplo de PepsiCo e também “em todas as lutas nas quais se enfrenta o ajuste de Macri”.

Em um dos principais spots de 24 segundos é possível ver Nicolás del Caño e Myiriam Bregman enfrentando a repressão policial na região de Florida, contra a desocupação dos trabalhadores de Pepsico, desta multinacional alimentícia, combinada com imagens de sua participação parlamentar, em mobilizações e no ato massivo na estádio de Atlanta no fim de 2016, com um estilo mais próximo ao vídeo clipe.

Em outros spots rodados em estilo documental, como “Contra o ajuste”, pode-ser ver Nicolás del Caño e Myriam Bregman recebendo relatos do povo e apoiando as lutas dos trabalhadores e também propondo-se a deter as demissões e reduzir a jornada de trabalho para repartir as horas de trabalho, com um salário mínimo que seja superior ao equivalente argentino ao salário mínimo do DIEESE, a renda mínima familiar.

Seus dirigentes declaram que: “longe do estilo de drama apresentado por CFK em sua campanha, frente ao ajuste a esquerda se apresenta com uma proposta de luta e organização pra enfrentar Macri”.

Por sua vez, o enfrentamento duro com o governo se combina com a denúncia dos salários exorbitantes dos funcionários políticos, reiterando sua proposta de que recebam o mesmo que uma professora e em defesa dos aposentados.

“Para fortalecer a luta dos trabalhadores, das mulheres e da juventude, precisamos de mais Frente de Esquerda no Congresso” é o lema de campanha da FIT.

Nestes Spots aparecem junto a Nicolás del Caño e Myriam Bregman, Juan Carlos Giordano e Romina del Pla (que acompanhem Del Caño na chapa de deputados pela Província de Buenos Aires), Marcelo Ramal e Laura Marrone (candidatos da deputados pela Cidade de Buenos Aires).




Tópicos relacionados

Argentina   /    MRT   /    Eleições na Argentina   /    PTS na FIT   /    Internacional

Comentários

Comentar