Edição do dia

Gilmar Mendes defende a Lava Jato como caminho para uma "reforma política profunda" no país.

Ítalo Gimenes